Inaugurado em 2010, ainda na primeira gestão do atual prefeito, o Centro de Especialidades Apoio e Diagnóstico Albert Sabin (Ceadas) esteve passando por uma revitalização e uma reforma geral na sua estrutura física e já pode voltar à normalidade nos atendimentos.

O prédio foi inaugurado há cerca de 10 anos e há muitos anos aguardava as obras de reforma que foram concluídas em tempo recorde, sem comprometer totalmente o atendimento ao público. Para isso a prefeitura investiu R$ 174.311, 85, em recursos próprios.

ESPECIALIDADES MÉDICAS

Reconhecido como um Centro de Referência em Especialidades Médicas, o Ceadas disponibiliza atendimentos médicos diários à população através de consultas com especialistas, e a realização de exames mais complexos, e de imagens como Raio-X, Ultrassom, entre outros.

Conforme a prefeitura, o objetivo da reforma e readequação, foi melhorar o atendimento aos pacientes, seus acompanhantes, e propiciar melhores condições de trabalho aos profissionais que atendem a população local e de toda a Região Sul do estado.

Segundo informações, do fiscal da obra, o engenheiro João Antônio, as obras de reforma e adequações da estrutura física da unidade contemplaram adequações no auditório (recepção) e na sala da administração, que foi ampliada, e foram instalados “batemacas metálicos”; proteção de paredes nos corredores.

Quanto às pinturas interna e externa do prédio, propiciaram um aspecto mais bonito e agradável, conferindo principalmente, mais conforto e comodidade não apenas aos pacientes e seus acompanhantes, mas sobretudo, possibilitando melhores condições de trabalho aos profissionais.

Conforme o fiscal da obra, durante os trabalhos houve adequação em três salas de consultório, com a substituição das portas de madeira de 80cm de vão, por portas de blindex de 2,0 metros, e também foram substituídas algumas portas de madeira que estavam danificadas.

As salas onde são feitos procedimentos, receberam pintura epóxi e acrílica semibrilho, pois por conta das particularidades destes espaços, a pintura não pode ser do tipo PVA. Na verdade, todo o prédio recebeu uma pintura nova.

Também foi feita uma revisão completa em todo o telhado, com substituição de telhas danificadas e instalação de forro PVC sob os beirais para evitar que o vento levante as telhas, além de uma completa revisão nas instalações hidráulicas e sanitárias nos banheiros.

Vale dizer que mesmo com a obra, o funcionamento da unidade não sofreu impedimento total.

Fonte e Foto | Assessoria

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta