Outubro Rosa: atividade física é aliada no combate ao câncer de mama
,

Outubro Rosa: atividade física é aliada no combate ao câncer de mama

Quando se trata de saúde, a prevenção é primordial para evitar problemas de maior proporção. Entre as principais medidas, estão a incorporação de atividades físicas e de bons hábitos alimentares na rotina – atitudes que são fortes aliadas contra o sedentarismo, combatendo doenças cardiovasculares, metabólicas e neoplásicas. No mês de Outubro, mundialmente dedicado à conscientização sobre o câncer de mama, é fundamental reforçar a importância da prevenção e do diagnóstico precoce. Além disso, é crucial destacar o papel fundamental da atividade física como aliada na luta contra essa doença que afeta milhões de mulheres em todo o mundo.

No Brasil, são estimados 74 mil casos novos previstos por ano até 2025, de acordo com a publicação Estimativa 2023 –  Incidência  de Câncer no Brasil, lançada pelo Instituto Nacional de Câncer (INCA). O câncer de mama é o mais comum entre as mulheres, e estudos científicos têm demonstrado que a prática regular de atividade física pode reduzir significativamente o risco de desenvolver a doença. 

Em Fortaleza, a busca por um padrão de vida mais saudável é uma tendência que está em alta. As academias estão cada vez mais voltadas em oferecer um ambiente que proporcione algo além da atividade física, como o Grupo AYO, que inovou no mercado fitness da cidade propondo uma metodologia 4.0 e de bem-estar 360º, com mais de 15 modalidades de exercícios físicos no seu catálogo em suas duas unidades, Ayo Fitness Club e  Ayo Training Gym.

“É uma preocupação da AYO ir além dos exercícios físicos, fomentando a saúde e o bem-estar de cada aluno. Não queremos promover algo apenas estético. É regra para cada colaborador nosso cuidar da saúde geral dos alunos, reforçando sempre que devemos alinhar esses cuidados com exames periódicos’, destaca Sasha Reeves, diretora do Grupo AYO.

Mulheres que mantêm uma rotina regular de exercícios apresentam um menor risco de desenvolver câncer de mama em comparação com aquelas que levam uma vida sedentária. A prática de atividade física desempenha um papel fundamental na regulação dos níveis de hormônios, como o estrogênio, que estão diretamente ligados ao surgimento do câncer de mama.

’’Engajar-se em atividades físicas em grupo ou sob a orientação de um treinador pode proporcionar um valioso senso de comunidade e apoio emocional, especialmente durante o período de tratamento. É importante ressaltar que a atividade física constante também auxilia no controle do peso corporal, sendo que o excesso de peso é reconhecido como um fator de risco significativo para o câncer de mama após a menopausa’’, comenta Júlio Cesar, coordenador técnico do Grupo AYO.

De acordo com Julio, inicialmente é muito complicado sair da inércia, então a busca por atividades que você tem mais afinidade lhe proporcionará maior possibilidade de sucesso na constância. “Um outro ponto fundamental é procurar uma rotina para que seja feita de forma fixa em sua agenda do dia”, pontuou.

Via | Assessoria Foto | Divulgação

Share this content:

(Visited 1 times, 1 visits today)
Ver mais: