Pensando nisso, a Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) lançou nessa semana o “Projeto Publique-se”, uma ferramenta gratuita e livre de consulta online que reúne documentos relacionados a processos judiciais movidos contra políticos. Ao todo, o projeto reúne mais de 30 mil documentos citando mais de 9 mil políticos. Com isso, a entidade espera “ajudar repórteres em investigações jornalísticas sobre candidatos a cargos públicos”, segundo comunicado divulgado ao Canaltech.

“Houve um imenso esforço de captura e tratamento de dados para possibilitar a busca dentro desses documentos”, explica Tiago Mali, coordenador do Publique-se. “O que você vai achar não são apenas processos que têm determinado político como réu ou investigado, mas todas as referências àquele político dentro de documentos em diferentes processos – mesmo que ele não seja parte naquele processo. Certamente há muita pauta escondida ali”, diz Tiago Mali, coordenador do projeto.

Atualmente, o Publique-se reúne informações pertinentes a processos vindos do Supremo Tribunal Federal (STF) e Superior Tribunal de Justiça (STJ). Evidentemente, a mera citação em um processo não é garantia de envolvimento criminoso, mas a Abraji ressalta que a transparência dessas informações “é passo importante para uma fiscalização mais ativa das instituições e dos agentes públicos por parte dos jornalistas”. O Projeto Publique-se foi feito sob parceria da Abraji com a Associação Brasileira de Jurimetria (ABJ) e patrocínio do Instituto Betty e Jacob Lafer.

Fonte | Publique-se

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *