Programa conduz potenciais empreendedores ao comércio internacional com ferramentas facilitadoras

O programa de Internacionalização, Meeting Comex, do Sebrae/MT (Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas em Mato Grosso), foi apresentado para mais de 100 microempreendedores dos municípios de Sinop (25.03) e Sorriso (26.03). A ação tem o objetivo de conduzir os empresários mato-grossenses ao comércio internacional.

O gerente regional do Sebrae/MT em Sinop, Volmir Contreira, afirmou que o intuito do programa é preparar as micro e pequenas empresas para acessar mercado externo. “Esse acesso pode se dar de duas formas: tanto pela exportação – ao ter um produto já apto -, quanto pela importação, que pode ser de uma tecnologia ou equipamento para a empresa, cuja aquisição irá melhorar a sua competitividade no mercado interno”, cita.

Volmir ainda esclarece que “o mercado internacional é uma via de mão dupla. Primeiro o empreendedor passa por uma jornada de preparação para depois acessar esse mercado. E o Sebrae está ao lado desse público, que têm potencial para desenvolver negócios nesses mercados”, observa o gerente da regional.

A ampliação dos negócios para além das fronteiras é observada pelo analista de Mercado e Negócios Internacionais do Sebrae/MT, Mirael Praeiro. “Há anos o mercado de fronteira é ambicionado pelos empreendedores. Podemos perceber isso em nossas missões empresariais, realizadas pelo Sebrae/MT, que, neste ano, irão ocorrer em um cenário diferente, diria, até inédito no Brasil”, explica.

Conforme Mirael, os empreendedores serão acompanhados mais de perto. “Iremos acompanhar os empresários e explicar etapa por etapa. Nosso, objetivo é alcançar a competitividade por meio das operações que possibilitamos e também permitem trabalhar com produtos que tenham mais valor agregado”.

Um exemplo dessa atuação já é observado no município de Juína, onde funciona uma empresa de extração de castanhas na região, que já conquistou a internacionalização de seus produtos. “É um produto orgânico que já está no mercado”, disse Praeiro.

Consultoria

O consultor do projeto de internacionalização, Vitor Galesso, destacou que o Sebrae/MT disponibiliza ferramentas com foco na pequena empresa. “Não é só o ganhar dinheiro com o comércio internacional, mas ter no comércio internacional uma ferramenta de desenvolvimento e competitividade. As missões também atendem aquele dono de pequeno negócio, que, eventualmente, faça a aquisição de uma máquina ou uma tecnologia. Já para aquela empresa, que já tem um potencial a ser desenvolvido para vender seu produto lá fora, o Sebrae/MT consegue ajudá-la a fazer isso. Desde o início do programa, conseguimos dar às pequenas empresas as mesmas oportunidades que os grandes grupos e isso ocorre em todo o estado de Mato Grosso”, finalizou Vitor.

O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico de Sinop, Klayton Gonçalves, reforçou a importância da parceria com o Sebrae/MT para fortalecer os empreendedores locais. “Essa parceria é um grande passo dado e vem no momento certo. Sinop é uma cidade que já tem um destaque mundial, conexões importantíssimas, e agora o Sebrae, em parceria com a prefeitura e demais entidades, consegue dar orientação ou mostrar um caminho para aquele empresário que se interessa pelo mercado internacional e poder saber o passo a passo”, pontua Kayton.

O programa de Internacionalização União das Entidades (Unesin) tem como parcerias a Associação Comercial e Empresarial de Sinop e Sorriso, Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e as prefeituras dos dois municípios.

Via | Assessoria Foto | Divulgação

Print Friendly, PDF & Email
(Visited 1 times, 1 visits today)