Pesquisa foi feita no setor para moldar locais mais seguros, confortáveis e eficientes

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e a Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos (CNTA) uniram forças em uma pesquisa abrangente para aprimorar os pontos de parada e descanso (PPDs) ao longo das rodovias federais. Os resultados dessa iniciativa vão ajudar a Agência a moldar locais mais seguros, confortáveis e eficientes para os caminhoneiros em todo o Brasil, além de auxiliar na regulamentação do tema.

A pesquisa, conduzida pela CNTA em cooperação com a ANTT, buscou captar as necessidades e expectativas dos caminhoneiros em relação aos PPDs. Dividida em duas etapas, a pesquisa abrangeu temas essenciais como higiene pessoal, limpeza, alimentação, descanso, segurança, comunicação, saúde e outros serviços relevantes, incluindo, também, necessidades específicas das mulheres que atuam no transporte de cargas, como vagas exclusivas e vagas mais próximas do prédio, além de distância maior entre banheiro masculino e feminino.

A primeira fase, realizada como um piloto no estado do Paraná, ocorreu de 7 a 10 de novembro de 2023. Posteriormente, a segunda etapa foi aplicada em nível nacional, de 20 de novembro de 2023 a 5 de janeiro de 2024, alcançando 1.403 profissionais entrevistados, sendo 93,6% do gênero masculino e 6,4% do gênero feminino.

MAIS DE 75% DOS TÓPICOS JÁ SÃO OFERECIDOS

O resultado da pesquisa trouxe pontos importantes que serão melhorados e implementados em todos os PPDs das rodovias concedidas, porém mais de 75% do que foi abordado na pesquisa já é oferecido nos pontos recentemente instalados, como na BR-153 nos quilômetros 210 (Uruaçu-GO) e 801 Talismã (TO). Cada um dos PPDs possui área de 20 mil metros quadrados e dispõe de benfeitorias como estacionamento exclusivo. Os locais atendem à categoria profissional 24 horas, sete dias por semana.

Itens como banheiros com chuveiros de água quente, tanques para lavar roupas, refeitório, televisão coletiva, vigilantes, estacionamentos cercados e WiFi foram considerados de extrema importância pelos caminhoneiros entrevistados.

Fernando Feitosa, gerente de Regulação Rodoviária da ANTT, ressaltou a importância de modelos funcionais de PPDs, garantindo segurança viária, qualidade de vida dos caminhoneiros e excelência nos serviços prestados.

Os PPDs têm previsão legal (Lei 13.103/2015) e serão regulamentados pela ANTT, visando assegurar a segurança nas rodovias concedidas.A Agência colocou esse tema na agenda regulatória para 2023/2024 e ouviu a opinião direta dos motoristas para moldar esses pontos de parada da melhor maneira possível.

TABELA COM ASSUNTOS APRESENTADOS

ASSUNTOITENS
Higiene pessoal Banheiro Masculino c/chuveiro com água quente
Banheiro Feminino c/chuveiro com água quente
Banheiro para pessoas com deficiência c/chuveiro com água quente
Limpeza Tanques para lavar roupas e calçados
Máquina lava-roupas (não gratuito)
Secadoras (não gratuito)
Lixeiras com recolhimento periódico
AlimentaçãoTer uma cozinha
Fogão
Microondas
Refeitório
Lanchonete
Restaurante
Churrasqueira
Descanso Redário/armadores de rede
Sala de descanso
Televisão coletiva
Varanda com bancos
Área de diversão (ex; dama, pingue pongue, totó, etc)
Segurança Vigilantes
Estacionamentos cercados
Câmeras
Identificação/cadastro
Iluminação
Manutenção pavimento
Comunicação WiFi (conexão internet sem fio)
Computadores
Impressoras (sob pagamento)
Informação sobre os serviços do PPD (site/aplicativos/rede)
Serviços de saúde Atendimento médico
Atendimento odontológico
Atendimento psicológico
Outros serviços Central de frete
Caixas eletrônicos
Lojas de varejo farmácias/salão de beleza/cabelereiros)
Serviços religiosos (espaço ecumênico/capelas)
Hotel

Via | Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) Foto | Divulgação

Print Friendly, PDF & Email
(Visited 1 times, 1 visits today)