Especialista da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia esclarece as diferenças entre as duas patologias consideradas graves

Quando o assunto é Acidente Vascular Cerebral (AVC), os principais sinais associados a esta condição gravíssima são: formigamento no rosto, braços e pernas, fraqueza muscular, dor de cabeça súbita, alteração no equilíbrio e na forma de andar, além de confusão mental. Mas a maior parte desses sintomas também podem estar relacionados à hérnia de disco, o que pode facilmente confundir a pessoa e fazer com que esses casos sejam tão perigosos.

Para a Diretora de Comunicação da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia, Dra. Vanessa Milanese, isso acontece porque as duas patologias ocorrem “próximas” uma da outra. “A hérnia de disco acontece quando os discos intervertebrais da coluna são afetados, de forma que sua estrutura externa se rompe e expõe o núcleo gelatinoso. Como sua localização está muito próxima da estrutura nervosa, podem comprimir medula e nervos ligados às partes do corpo onde os sintomas se manifestam”, comentou.

Enquanto aos casos, estima-se mais de 2 milhões de casos de AVC, no Brasil. Já a hérnia de disco pode afetar cerca de 5,4 milhões de pessoas no país. Os sintomas em relação ao AVC podem aparecer isolados ou em conjunto, assim como na hérnia de disco. “Vale destacar que segundo o Ministério da Previdência Social, a hérnia de disco foi a principal causa de afastamento do trabalho em 2023. Por isso, é importante manter um acompanhamento médico de rotina e buscar ajuda no aparecimento dos sintomas, para o atendimento necessário, seja em um provável AVC ou de uma hérnia de disco na coluna”, orienta a especialista.

Saiba mais sobre o Acidente Vascular Cerebral

O AVC se manifesta de duas formas: isquêmico e hemorrágico. A primeira é quando uma artéria do cérebro é obstruída por um tipo de coágulo, que interrompe o fluxo de sangue para as células próximas. O segundo é quando há o rompimento de uma artéria e o sangue vaza. De acordo com o Ministério da Saúde, este é o tipo menos frequente, com cerca de 15% dos casos, mas responsável pela maioria dos óbitos. 

O aparecimento dos sintomas vai depender da condição de saúde e da forma que o paciente foi acometido. “Na hérnia de disco, por exemplo, se for cervical alta (região do pescoço) e afetar a medula cervical e o núcleo do nervo trigêmeo, que se estende até a cabeça, pode causar formigamento e dor em um lado na face, braços e pescoço. Se for torácica ou lombar, pode afetar os membros inferiores de um ou dos dois lados do corpo”, esclarece a Dra. Vanessa.

SOBRE A SOCIEDADE

Sociedade Brasileira de Neurocirurgia – A SBN é uma associação de médicos que exercem a especialidade de Neurocirurgia no Brasil. Fundada há 65 anos, em 1957, tem aproximadamente 2500 sócios, sendo uma das maiores do mundo na especialidade. Sua missão é garantir o progresso da Neurocirurgia, por meio do incentivo ao aprimoramento da formação do neurocirurgião brasileiro, do monitoramento da prática profissional e da representação dos interesses dos neurocirurgiões. Mantém atividades regulares e ininterruptas no treinamento, ensino e formação do médico especialista em Neurocirurgia, seguindo protocolos e padrões que a colocam entre as melhores do mundo, conforme reconhece a WFNS – World Federation of Neurosurgical Societies. Site: portalsbn.org / Instagram sbn.neurocirurgia Foto | Freepik

Print Friendly, PDF & Email
(Visited 1 times, 1 visits today)