Município elenca obras para pleitear verba federal

Município elenca obras para pleitear verba federal

O prefeito José Carlos do Pátio se reuniu nesta segunda-feira (09) com seus secretários para elencar as obras que podem ser apresentadas para serem inseridas no Novo PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) lançado pelo Governo Federal.

A instrução do prefeito José Carlos do Pátio para o primeiro escalão do município é ser ousado na apresentação de projetos visando verba do novo PAC. “Se temos como organizar, vamos apresentar os projetos e trabalhar em boas justificativas para conseguirmos os recursos. O que desejamos nesta gestão é distribuir renda e isso acontece quando levamos uma creche para os bairros, quando levamos rede de esgoto ou um aslfato. Isso é dignidade. Isso é cidadania”, finalizou o prefeito.

Entre os projetos que serão pleiteados estão creches, escolas em período integral, novas unidades para atendimento de saúde, duas novas áreas de esportes – as Areninhas. Além disso, uma estrutura do Convive, local em que são feitas atividades culturais e de empreendedorismo. 

As maiores demandas se referem à infraestrutura e saneamento ambiental. Somados serão 49 projetos referentes à drenagem, distribuição de água, rede esgoto, e também elevatórias. Neste  PAC, a novidade são as usinas fotovoltaicas para os órgãos. Duas estão sendo pleiteadas para a cidade pelo Serviço de Saneamento Ambiental de Rondonópolis (Sanear).

No setor de trânsito e transporte, novos ônibus coletivos, um terminal e organização de via exclusiva para ônibus, também foram cogitados. 

Para a zona rural, a possibilidade aberta foi organização e ampliação do abastecimento de água para as aldeias, o que será projetado visando ampliação das redes existentes, mesmo que o município tenha investido neste tipo de obra com recursos próprios.

No urbanismo, Rondonópolis se encaixa em projetos de regularização fundiária, outro setor que está avançado no município, que nesta gestão está com mais de 30 mil escrituras entregues nos bairros. 

Nos próximos dias, os secretários continuarão se reunindo e estudando a viabilidade de pleitearem mais verbas do PAC com apresentação de novos projetos, tendo em vista que municípios que possuem obras do PAC 1 e PAC 2 podem ser contemplados com novos projetos visando a consolidação da rede de educação, assistência social e saúde nos locais em que foram construídas casas e prédios residenciais com verba federal. 

Os projetos dependem de aprovação pela União para a liberação dos recursos para execução.

Via | Assessoria Foto \ Divulgação

Share this content:

(Visited 1 times, 1 visits today)
Ver mais: