Juliana Schimidt, de 36 anos, rompeu o ligamento do joelho após uma queda em 2017. Ela disse que sente dores fortes todos os dias, o que a impede de realizar atividades simples da rotina.

A dona de casa Juliana Schimidt, de 36 anos, aguarda por uma cirurgia no joelho direito na rede pública de Cuiabá há seis anos. A paciente contou que rompeu os ligamentos durante uma queda de bicicleta, em 2017, e que as dores são fortes, dificultando a prática de atividades simples da rotina.

Um documento fornecido pelo Sistema Central de Regulação de Leitos da capital consta que ela teve o pedido da cirurgia aprovado em 2020 e que o procedimento já foi feito. O atestado mostra o dia da internação e até mesmo a data de previsão de alta da paciente. No entanto, Juliana afirma que não fez a cirurgia e segue com dores.

Em nota, o Gabinete Estadual de Intervenção informou que o médico que atendeu a dona de casa optou por não realizar o processo cirúrgico e a encaminhou para um tratamento clínico. O Gabinete preferiu não comentar a respeito de uma possível fraude e a possibilidade de uma outra pessoa ter realizado o procedimento no lugar da paciente.

Dona de casa espera por cirurgia há 6 anos e documento consta que procedimento já foi realizado — Foto: Arquivo pessoal

Dona de casa espera por cirurgia há 6 anos e documento consta que procedimento já foi realizado — Foto: Arquivo pessoal

“Quase não consigo andar. Só quero voltar a caminhar sem dor para poder cuidar do meu neto. Vou correr atrás, eu vou lutar pelos meus direitos”, disse a dona de casa.

Juliana também registrou um boletim de ocorrência na delegacia. A Polícia Civil apontou uma “possibilidade de fraude” no sistema de saúde.

Via | G1    Foto destaque | Reprodução

 
(Visited 1 times, 1 visits today)