O criminoso que fugiu da polícia após quebrar o teto de um camburão durante uma transferência de cadeia em Mato Grosso morreu após trocar tiros com uma vítima de assalto na cidade de Cacoal, em Rondônia, nesta quinta-feira. Josimar Alves da Silva, 37, conhecido como “Bicho Papão”, estava foragido desde outubro deste ano.

Josimar foi atingido no abdômen. Ele chegou a ser encaminhado ao hospital, porém, não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade de saúde.

Josimar foi preso em Primavera do Leste em 2016, por falsidade ideológica e porte ilegal de arma. Ele também respondia por homicídio, latrocínio, roubo, associação criminosa e porte ilegal de arma.

Ele era acusado de matar Edson Luiz Gasparotto, presidente da Câmara de vereadores de Ji-Paraná (RO) em 2007.

Em outubro deste ano, ele fugiu após se soltar das algemas e quebrar o teto da viatura enquanto era transferido da Cadeia Pública de Aripuanã (949 km de Cuiabá) para o município de Juína (744 km de Cuiabá).

Fonte | Folhamax
(Visited 1 times, 1 visits today)