Cerca de 50 famílias que ficaram desabrigadas devido às chuvas que atingiram o município de Diamantino, serão levadas para hotéis da cidade. A prefeitura informou que a Defesa Civil está realizando vistorias para tentar evitar casos de deslizamento e rompimento de barragem.

Segundo o município, a Secretaria de Assistência Social está visitando as famílias para verificar a necessidade de realocação em hotéis da cidade.

A prefeitura também disse que foram disponibilizados água e alimentos às famílias. Agora, o município faz uma campanha de doação de móveis, eletrodomésticos, roupas e outros utensílios.

O município anunciou estado de calamidade pública que será apreciado pela Câmara Municipal de Diamantino. Em seguida, a situação precisa ser reconhecida pelo governo do estado e, por fim, pelo governo federal.

Com isso, a prefeitura espera poder remanejar seu orçamento e receber recursos da União e do governo de Mato Grosso para prestar o socorro às vítimas.

Doações

Município faz campanha de arrecadação para atender famílias que foram desabrigadas pelas chuvas — Foto: Reprodução

Município faz campanha de arrecadação para atender famílias que foram desabrigadas pelas chuvas — Foto: Reprodução

Para ajudar as vítimas da enxurrada em Diamantino poderão levar os objetos no centro de eventos Juarez de Abreu e na sede da Secretaria de Assistência Social.

Chuvas em Diamantino

Ruas ficam alagadas com temporal em Diamantino (MT)
Ruas ficam alagadas com temporal em Diamantino (MT)

Durante a chuva desta quarta-feira (16) e quinta-feira (17), a água chegou em uma altura de 2 metros nas casas dos moradores. O Bairro da Ponte foi o mais atingido, mas, ao todo, cinco bairros do município tiveram alagamentos.

A cabeceira de uma ponte na rua do campus da Universidade Estadual de Mato Grosso (Unemat), no Bairro da Ponte, caiu durante o temporal.

De acordo com a Prefeitura de Diamantino, houve queda de ponte, estradas de terra que ficaram interditadas e famílias ilhadas.

Moradores relataram que ficaram ilhados em algumas estradas de terra por causa da queda de pontes.

O prefeito informou que solicitou a presença da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema) e da Defesa Civil para dar apoio.

O Corpo de Bombeiros de Nova Mutum, município vizinho de Diamantino, também se colocou à disposição para ajudar a cidade.

Via | G1
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta