Ação faz parte das iniciativas do Dia de Responsa para incentivar que seu ecossistema seja multiplicador das ferramentas de consumo moderado

O Dia de Responsa é um dos momentos mais importantes do calendário da Ambev, uma data simbólica para celebrar o compromisso diário da companhia com o consumo responsável de bebidas alcoólicas. Neste ano, em sua 13ª edição, além de renovar o seu compromisso, a Ambev vai promover conversas sobre autoconhecimento e uma série de ações com todo o seu ecossistema.

Uma das tradições da companhia era mobilizar a força de vendas para ir às ruas engajar os bares, restaurantes e parceiros para a venda responsável de bebidas por meio de materiais de trade e outras ações. Com a nova plataforma do BEES, esse movimento passou a ser digital e padronizado para todo Brasil. Entre 13 e 17 de setembro, bares, restaurantes e outros parceiros podem fazer um treinamento online exclusivo, que os capacitará como multiplicadores dos conceitos de consumo inteligente e moderação no contato direto com o público.

O curso Serviço Responsável conta com quatro módulos e duração aproximada de 30 minutos. Para estimular a participação de todo o ecossistema, a Ambev terá ainda uma premiação aos estabelecimentos que concluírem o treinamento. Todo o conteúdo foi desenvolvido com base no projeto piloto realizado no programa Brasília Vida Segura, uma cooperação com o Governo do Distrito Federal, que acontece desde 2016. As melhores metodologias e plataformas foram testadas e agora, neste Dia de Responsa, a companhia expande seus aprendizados aos seus parceiros de ecossistema.

“O Dia de Responsa é tradição para a Ambev e reflete nossa preocupação com os exageros e abusos no consumo de álcool. Promovemos, há mais de 20 anos, ações que estimulam o consumo responsável porque entendemos que todo o nosso ecossistema está conectado e queremos que o desenvolvimento seja conjunto. Todo os nossos funcionários estão engajados neste propósito, mas consideramos que é necessário ir além dos nossos muros”, afirma Carla Crippa, Vice-Presidente de Relações com a Sociedade da Ambev Brasil. “A nossa preocupação social é para que as pessoas celebrem a vida, mas com moderação e para tanto é necessário se conhecer. Por isso, engajar os trabalhadores de bares e restaurantes é muito importante, porque o contato direto com o público em ocasiões de consumo muitas vezes é realizado por eles.”, conclui Carla.

Jornada para o consumo consciente

Há 20 anos a Ambev trabalha para a promoção do consumo consciente, engajando todo o seu ecossistema neste propósito. Entre 2009 e 2015, a companhia realizou parceria com órgãos públicos, ONG’s, bares e restaurantes para o combate do consumo de bebidas alcóolicas por menores de 18 anos. Projetos foram realizados gerando a conscientização da população, além do aumento nas restrições dificultando o acesso às bebidas por esta faixa etária.

A partir de 2013, a Ambev em parceria com órgãos públicos e privados trabalharam intensamente para a prevenção de acidentes de trânsito ligados à alcoolemia. Somente no Distrito Federal, o projeto alcançou redução de 61% dos acidentes de trânsito. Em São Paulo, a parceria com o Governo do Estado possibilitou a criação do projeto Infosiga. E, conectando órgãos do sistema de trânsito de todo o Brasil, a parceria com o Ministério de Infraestrutura resultou na criação da plataforma RENAEST, que unificará dados de trânsito de todo o país.

Em 2020, a Ambev lançou o compromisso público de impactar 2,5 milhões de consumidores na redução do consumo abusivo até 2022 e lançou a plataforma da moderação. Até agora, mais de 1 milhão de pessoas foram impactadas. Para facilitar a mudança de comportamento, as prioridades são promover o autoconhecimento e conscientizar aqueles que podem beber (maiores de 18 anos e que não irão dirigir ou estão em situação de risco médico) sobre o que é a moderação, por meio de ferramentas que ajudem nessa jornada de equilíbrio, que envolve quatro conceitos principais:

• Saúde em Primeiro Lugar: consumidores saudáveis podem brindar de forma moderada durante toda a vida. A pauta de moderação não é sobre valores de comportamento.

• Álcool não deve ser usado como válvula de escape de momentos ruins: deve ser associado à celebração e bons momentos.

• Autoconhecimento é liberdade: Entender como seu corpo reage ao que (e quanto) é o caminho para fazer escolhas de modo autêntico.

• Beber deve ser um prazer: além do porquê do consumo, devemos incentivar o modo de consumo. Beber devagar, saboreando a bebida torna momentos inesquecíveis.

Via | Assessoria

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta