A Secretaria Municipal de Saúde, ministrou neste último final de semana, um curso de capacitação/atualização em sala de vacina direcionado a profissionais enfermeiros e técnicos de enfermagem das unidades básicas do município.

O curso foi realizado no auditório da Secretaria Municipal de Educação no período matutino para enfermeiros, e no período vespertino para técnicos de enfermagem. 

O objetivo foi atualizar ações e técnicas de cuidados e prevenção, quando foram abordados os seguintes temas: organização da sala de vacinação; montagem de caixas térmicas; organização das geladeiras e câmaras frias específicas para vacinas.

Durante a capacitação os técnicos ainda revisaram o calendário básico de vacinação da criança, da gestante, do idoso, do adolescente e, do indígena.

Conforme a Secretaria de Saúde, foram abordados também os procedimentos operacionais padrão específicos de sala de vacina e imunização, bem como, eventos adversos pós-vacinação.

Uma atenção especial foi dada a questão da utilização de equipamentos de proteção individual pelos profissionais, como a desinfecção terminal e concorrente nas salas de vacina; esterilização de frascos de vacinas, já que são compostas por bactérias e vírus vivos atenuados, e por fim a lavagem das mãos na técnica asséptica.

O curso foi ministrado pela servidora pública estadual Cibele Rodrigues de Souza Carvalho Figueiredo, autorizada pela Escola Técnica de Saúde Pública do Estado de Mato Grosso.

O curso teve carga horária de 4h período matutino e vespertino, e nesse primeiro momento, duas turmas distintas: uma turma de enfermeiros; e outra de técnicos de enfermagem, foram qualificados.

A Secretaria de Saúde reafirma que pretende realizar novos cursos no próximo sábado (27).

Todavia é preciso destacar que ao oferecer essas capacitações aos servidores locais fica demonstrada a preocupação da SMS, em garantir a melhor qualidade e segurança nos serviços de vacinação e imunização a população local, e deverá prosseguir com os cursos até conseguir qualificar todos os profissionais da rede básica de saúde.

Via | Assessoria
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta