Com o isolamento social, as pessoas passaram a recorrer a sites e aplicativos especializados, como Doctoralia

Criada em 1969 como recurso militar e científico, a internet tornou-se uma ferramenta importante para a sociedade ao longo dos anos. Com a pandemia de Covid-19 e o consequente isolamento social, passou a ser um recurso fundamental para a interação social e para a continuidade do trabalho, dos estudos e dos cuidados com a saúde. Para viver nesse novo mundo foi preciso mudar, se adaptar e experimentar outros meios de realizar as atividades cotidianas e essenciais para a sociedade.

Assim, o setor de saúde brasileiro deu um grande passo para o avanço da relação entre os profissionais e os pacientes e autorizou o exercício da telemedicina. Logo que foi aprovado, as empresas passaram a oferecer o serviço de consulta à distância e a população aderiu à tecnologia rapidamente. “Em 10 dias, mais de 5 mil consultas foram marcadas com cerca de 1.800 profissionais de saúde”, revela Cadu Lopes, CEO da Doctoralia (www.doctoralia.com.br), maior plataforma de agendamento de consultas do mundo. “Hoje, já realizamos mais de 400 mil teleatendimentos com mais de 12 mil profissionais de saúde”, completa.

Além de registrar um crescimento exponencial em telemedicina, durante o isolamento social, a Doctoralia também viu aumentar o número de pageviews mensais de 33 milhões para 35 milhões e a quantidade de profissionais de saúde assinantes da plataforma crescer 120%. “Nós acreditamos que a telemedicina veio para ficar, mas independente disso, esses números mostram que as pessoas descobriram uma nova forma de cuidar da saúde, de maneira prática e segura, utilizando uma plataforma em que é possível agendar a consulta, realizar o atendimento, registrar o histórico de saúde do paciente (prontuário eletrônico), oferecer comunicação médico/paciente via chat, além de obter receitas, atestados e até mesmo marcar exames”, analisa Lopes.

Por se destacar na internet, a Doctoralia foi eleita uma das 10 principais empresas em Serviços de Saúde pelo iBest. Os finalistas de cada categoria foram selecionados pela sua relevância digital como um todo. Para isso, o iBest utiliza um algoritmo exclusivo, que analisou a presença e o engajamento de marcas e influenciadores no Instagram, Twitter, Facebook, Youtube, sites e aplicativos. A votação para as três finalistas vai até o dia 25 de outubro e deve ser feita pelo site http://vote.premioibest.com/votacao/servicos-saude e a confirmação do voto pelo e-mail cadastrado. A votação da fase Top 3 será de 9 de novembro a 2 de dezembro. No dia 11 de dezembro, será anunciada a classificação.

Para Cadu Lopes, a participação no Prêmio iBest é um reconhecimento de todo o trabalho realizado pela empresa, principalmente durante a pandemia de Covid-19. “O nosso foco é cuidar da saúde das pessoas, ampliando o acesso a profissionais de qualquer lugar do Brasil, e contribuindo para o combate à pandemia por meio da telemedicina, inclusive oferecendo a tecnologia gratuitamente para o setor público”, explica.
Sobre o iBest

Depois de marcar época na internet, o Prêmio ressurge com uma dinâmica renovada e um alcance maior. Ao todo, contempla 54 categorias, com duas premiações em cada uma delas: Popular (em que todos os brasileiros maiores de 16 anos podem votar) e o Oficial (escolhido por um grupo de especialistas e personalidades).
Sobre a Doctoralia

Doctoralia é uma empresa do Grupo DocPlanner, presente em 15 países, responsável por atender 30 milhões de pacientes e processar mais de 3 milhões de agendamentos de consultas por mês. Atualmente, possui mais de 2 milhões de profissionais de saúde em sua base, com um total de 3 milhões de avaliações de pacientes. A companhia foi fundada em 2012 na Polônia e agora possui uma equipe de mais de 1.300 funcionários nos escritórios de Varsóvia, Barcelona, Istambul, Roma, Bolonha, Cidade do México e Curitiba.

Com a missão global de tornar a experiência em saúde mais humana, fornece sem custo agendamentos e avaliações de consultas médicas através de seu marketplace. Por meio da telemedicina, promove a realização de consultas online e prescrição eletrônica de medicamentos. Além disso, oferece aos médicos e clínicas uma ferramenta SaaS (Software as a Service) usada para otimizar a gestão e o fluxo de pacientes. Todos os profissionais recebem suporte da equipe de assessores responsável por guiá-los na transformação digital de suas práticas.

Por meio da marca TuoTempo, a empresa oferece um CRM com um conjunto mais sofisticado de produtos de otimização para grandes instituições de saúde, como hospitais e clínicas de grande porte. Já o Doctoralia Lab é o marketplace para agendamento de exames que visa oferecer uma assistência de saúde completa aos pacientes dando continuidade ao atendimento médico.
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *