O Instituto Federal de Mato Grosso, Campus Cuiabá Octayde, lançou um novo edital para o curso de Eletricista de Sistemas de Energias Renováveis   – Instalador de Sistemas Fotovoltaico. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas entre os dias 27 a 29 de julho.

Serão ofertadas 63 vagas no curso com aulas presenciais de segunda a sexta-feira, no período noturno, e aos sábados durante o dia. A qualificação terá duração de três meses e meio, com um total de carga horária de 200 horas. Além disso, o aluno recebe os materiais escolares e uma bolsa, que totaliza ao final do período R$ 400.

O curso é voltado para jovens com mais de 18 anos que já concluíram o Ensino Fundamental. Ao final o aluno receberá certificado de Eletricista de Sistemas de Energias Renováveis. Na maioria dos casos, quem completa o curso já sai com emprego garantido.

A formação atende ao setor de energia solar que gerou mais de 420 mil novos empregos no Brasil e está em constante crescimento. Em Mato Grosso somente 1,2% das residências contam com energia solar e Cuiabá segue por mais de 14 meses consecutivos no ranking como a cidade brasileira que mais produziu energia solar de geração distribuída.

Esse é o terceiro a segundo edital deste ano que foi aberto pelo IFMT para o curso de instalador de Sistemas Fotovoltaico no IFMT, que é uma iniciativa do Ministério da Educação (MEC), através da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (SETEC), com investimentos em R$ 1,2 milhões de reais.

De acordo com diretor do campus Cuiabá cel Octayde Jorge da Silva, Alceu Aparecido,  “o curso oferecido gratuitamente, é uma chance enorme para quem deseja trabalhar em empresa de instalação de placas fotovoltaicas, ou então montar um pequeno negócio e trabalhar por conta”.

Como forma de apoio e contribuição para o mercado de energia, o IFMT Campus Cuiabá  firmou uma parceria com o Sindicato das Empresas Produtoras e Distribuidoras de Energia de Mato Grosso (Sindenergia), que representa cerca de 130 empresas do estado. Para colaborar na formação de novos profissionais, o sindicato doou R$ 180 mil em equipamentos para realização das aulas práticas, no início deste ano.

Conforme o presidente do Sindenergia, Tiago Vianna, a profissão está em crescimento no estado devido a demanda de clientes que buscam economia na conta de energia elétrica. “Na região metropolitana de Cuiabá e Várzea Grande o mercado energia fotovoltaico está em alta e essa demanda requer profissionais especializados e habilitados para atender o mercado. A maioria dos fazem esse curso, já sai muito das vezes já com um emprego”, finaliza o presidente do Sindenergia, Tiago Vianna.

Confira o edital no link.:

https://cba.ifmt.edu.br/conteudo/pagina/edital-322022-processo-seletivo-de-estudantes-para-o-curso-de-formacao-inicial-e-continuada-fic-programa-qualifica-mais-energif-eletricista-de-sistemas-de-energias-renovaveis/

 

Link do formulário de inscrição:

https://forms.gle/Vzq7kFQGZYmcmxn67

Via | Assessoria  Foto | Assessoria

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta