Em Mato Grosso, o maior valor autorizado é para o cargo de governador

A Justiça Eleitoral divulgou nesta terça-feira (19.07) os limites de gastos para as campanhas eleitorais de 2022. Em Mato Grosso, o maior valor autorizado é para o cargo de governador, quando a campanha pode ter um gasto total de R$ 7,115 milhões, com um adicional de R$ 3,557 milhões em caso de segundo turno. O segundo maior orçamento autorizado é para o cargo de senador, com R$ 3,811 milhões.

Os valores foram autorizados por meio da Portaria nº 647/2022 do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Eles representam os mesmos valores das Eleições 2018, atualizados pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), aferido pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A atualização do IPCA teve como termo inicial o mês de outubro de 2018 e como termo final o mês de junho de 2022 e foi calculada pela Secretaria de Modernização, Gestão Estratégica e Socioambiental (SMG) do TSE.

Para o cargo de deputado federal foram autorizados R$ 3,176 milhões como limite de gastos, e outros R$ 1,270 milhão para o cargo de deputado estadual. Os valores para os cargos de deputado federal e estadual são os mesmo para todos os Estados da Federação.

O valor mais alto autorizado para o pleito 2022 é para a campanha à Presidência da República. No primeiro turno, os candidatos poderão gastar até R$ 88,944 milhões. No segundo turno, haverá um acréscimo de R$ 44,472 milhões.

Confira aqui a tabela com as quantias referentes aos cargos de governador, senador, deputado federal, e deputado estadual de todos os Estados.

Via | Assessoria TRE-MT
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta