Estado tem quase 820 mil trabalhadores com vínculo formal. Alta no número de empregos foi registrada em todas unidades da federação

Em maio, o estado de Mato Grosso registrou mais uma vez alta na criação de vagas de empregos. Foram mais 8 mil e 280 novos postos de trabalho. Em todo país, foram abertas 277 mil novas vagas. Os dados são do Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged), divulgado pelo Governo Federal na terça-feira (28).

O setor de Serviços foi o grande destaque do mês. Somente em Mato Grosso foram criadas mais de 2 mil e 695 novas vagas, distribuídas principalmente em atividades de informação, comunicação, financeiras, imobiliárias, profissionais e administrativas. Destaque também para o setor do Comércio, que gerou 2 mil e 161 novos empregos.

Desde o início do ano, o estado de Mato Grosso contou com 36 mil e 670 novos postos de trabalho. Com isso, o estado alcançou a marca de mais de 819 mil e 411 trabalhadores com vínculo formal.

Acumulado

A população empregada em abril chegou a 97,8 milhões de trabalhadores, o maior patamar da série histórica, que iniciou em 2012. Os dados são do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), divulgados na sexta-feira (24).

Além do aumento no número de empregos formais, o Brasil também registrou queda no número de desempregados, alcançando 9,4% em abril, a menor taxa em sete anos.

Os dados sobre a criação de novos empregos são positivos em todas as Unidades da Federação do País, que tem mais de 1 milhão e 51 mil de novos postos abertos, de janeiro a maio de 2022. Desde 2019, o Brasil abriu cerca de 4 milhões e 270 mil novas oportunidades para os trabalhadores.

Investimentos no Mato Grosso

Para realizar o sonho da casa própria, cerca de 20 mil famílias mato-grossenses receberam residências por meio do Programa Casa Verde e Amarela. Ainda, para auxiliar quem está em vulnerabilidade social, mais de 31,9 mil pessoas receberam o Auxílio Gás desde 2019.

Com foco na retomada da economia, o Governo Federal injetou na economia do Espírito Santo cerca de R$ 89,8 milhões em maio deste ano, por meio do Auxílio Brasil. A iniciativa beneficiou mais de 220,6 mil famílias no estado, que receberam em média R$ 409.

Via | Assessoria Secretaria Especial de Comunicação do Governo Federal   Foto | Marcelo Camargo – Agência Brasil
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta