O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT) recebeu uma menção honrosa do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), na última sexta-feira (13.05), em reconhecimento ao projeto Exposição Virtual 25 Anos de Uso da Urna Eletrônica. A iniciativa foi desenvolvida pela Justiça Eleitoral Mato-Grossense, em parceria com os TREs de outros oito estados.

A menção, que faz parte do Prêmio CNJ de Memória do Poder Judiciário, foi entregue durante o II Encontro Nacional da Memória do Poder Judiciário, que teve início na terça-feira (10.05), no auditório Desembargador Nildo Nery dos Santos da Escola Judicial de Pernambuco, no Recife (PE). A entrega também coincidiu com a comemoração dos 26 anos da urna eletrônica, celebrado no dia 13.

Também integram o projeto premiado os TREs de Rio Grande do Norte (RN), Ceará (CE), Tocantins (TO), Santa Catarina (SC), Espírito Santo (ES), Bahia (BA) e São Paulo (SP).

“É um reconhecimento muito importante a todos nós, servidores da Justiça Eleitoral, especialmente de Mato Grosso, que tem na marca de sua história a alegria de ter sido pioneiro na criação do primeiro protótipo da urna eletrônica”, ressalta a chefe da Biblioteca e gestora do Memorial do TRE-MT, Lener Aparecida Galinari.

Dia da Memória

O II Encontro Nacional de Memória do Poder Judiciário teve início no dia 10 de maio, data em que se comemora a instalação, pelo imperador Dom João VI, do primeiro tribunal constitucional do país, a Corte de Suplicação do Brasil, ocorrida em 1808. É também o Dia da Memória do Poder Judiciário, instituído em 2020, pela Resolução n. 305/2021, do CNJ.

Via | Assessoria TRE-MT
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta