Policiais do 1º Batalhão impediram uma mulher de se jogar da Ponte Sérgio Motta, na manhã de último domingo (10), na Capital. Familiares da mulher foram localizados e levaram a vítima já calma para casa.

A equipe da Polícia Militar foi informada de que havia uma mulher muita angustiada, aparentando que iria se atirar da ponte. De imediato, os policiais chegaram ao local da ocorrência, e a equipe iniciou a verbalização com uma mulher intervindo por meio de palavras de conforto, oração e uma passagem bíblica para acalmá-la.

Um dos policiais chegou a fazer uma oração direcionada à mulher que acabou se acalmando. De acordo com o comandante do 1º BPM, tenente-coronel Reginaldo Aziz Ferreira, a rapidez da equipe e o acolhimento a mulher que estava agitada e em desespero foram essenciais para impedir uma tragédia.

“A ação dos militares foi de extrema importância obtendo êxito em convencer a vítima a desistir dessa terrível atitude, fizemos uma oração juntos, o nosso policial conversou com ela e graças a Deus, ela se acalmou. O nosso lema é “Servir e Proteger” qualquer cidadão de bem, conte sempre conosco”, relatou o comandante.

Uma funcionária do Centro de Atenção Psicossocial (CASP) esteve no local e ajudou os policiais militares a prestarem apoio à mulher, acionando familiares que a levaram para casa.

Via | Assessoria   Foto | PMMT
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta