Docente do Senac Pelotas revela os principais aspectos que garantem a profissão de barbeiro em ascensão

É fato que as barbearias vieram para ficar. Muito mais do que apenas uma tendência, os estabelecimentos de corte de cabelos e barba masculinos ganharam os brasileiros e após o “boom”, conseguiram se manter ativas no mercado, oferecendo cada vez atendimento diferenciais, inovando e promovendo o bem-estar de quem busca por esse tipo de serviço.

Segundo o docente do curso de Barbeiro, do Senac Pelotas, Lizandro Martins, esse movimento que cresceu no Brasil nos últimos anos se deve ao fato de que o público masculino está cada vez mais vaidoso. “Com o crescimento das redes sociais, é muito fácil termos um contato direto com artistas, influencers, esportistas e tantos outros. O cliente já chega sabendo o que ele quer, diferente de alguns anos atrás. Eles trazem a foto do corte desejado. Na maioria, a foto de um craque de futebol ou ator de cinema. E nós barbeiros precisamos estar por dentro disso tudo. Temos sempre que estar em constante aprendizado”, destaca.

Mesmo que em casa o custo seja menor, o principal benefício de frequentar uma barbearia está no profissionalismo dos barbeiros. “Nós não paramos de estudar.  As tendências mudam constantemente. Além disso, o cliente precisa saber que para ter o resultado desejado é necessário ir até aos profissionais. Atualmente, por exemplo, os clientes chegam até a mim, 90% por indicação, seja por amigo ou familiar. O restante por meio de rede social. A primeira coisa que buscam é qualidade de serviço, em seguida um ambiente diferenciado”, pontua Lizandro.

Para quem deseja ter o próprio negócio no ramo das barbearias, o docente dá 3 dias básicas:

Dedicação e força de vontade – “Com todo o glamour que vive o mundo da barbearia hoje, a maioria que procura o curso não sabe como realmente é o nosso dia a dia. Hoje passo de 10 a 12 horas (de pé) em torno da cadeira. Não apenas cortamos o cabelo e fazemos barba, mas estamos por trás de toda administração, divulgação e tantos outros serviços”;

Se apaixonar pela profissão – “Procurar saber um pouco mais da história. Poucos sabem que fazemos parte da medicina. Na idade média os barbeiros faziam pequenas intervenções cirúrgicas. Ex: extração dentária e pequenos nódulos”;

Saber lidar com o público é muito importante – “Atendemos clientes de várias classes sociais, precisamos estar sempre bem informados. Sempre com o ambiente de trabalho limpo e organizado. Digo aos alunos também que a segunda formação do Profissional Barbeiro é a Psicologia. Devemos ouvir mais do que falar”.

Mas, afinal, quais os benefícios de fazer um curso de Barbeiro no Senac Pelotas. Lizandro vai direto ao ponto: “a qualificação do Senac é muito superior aos demais cursos oferecidos. O certificado por si só já abre infinitas portas aos nossos alunos. Nosso laboratório oferece o que o aluno precisa para ingressar no mercado, sabendo de todo funcionamento de uma barbearia. Além de cortes, química  e finalização (penteados), e toda noção de administração de seu negócio”, finaliza o docente.

Via | Assessoria
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta