Um grupo de aproximadamente 60 pessoas participou, na manhã deste sábado (22), de um ato em protesto contra a exigência do comprovante de vacinação, o chamado “passaporte da vacina”. Com a participação do deputado Gilberto Cattani (PSL), o grupo se reuniu na Praça Ipiranga.

Autor do projeto de lei que proíbe a exigência do comprovante de vacinação contra a covid-19, em estabelecimentos de Mato Grosso, Cattani fez questão de participar do ato.

“O projeto foi aprovado em primeira votação, com o apoio popular na Assembleia e hoje vemos este ato espontâneo. Acredito que a matéria irá passar em segundo turno para ser encaminhada para a sanção do governador”, afirmou.

O projeto tem o objetivo de proibir restrições a pessoas que não tiver em mãos o comprovante da vacina.

A segunda votação na Assembleia Legislativa deve acontecer no mês de fevereiro.

“Foi um ato espontâneo, em que famílias vieram lutar pelo direito de liberdade”, explicou Josiany Simas, uma das organizadoras do evento.

Via | HNT
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta