Representantes sindicais e associativos que compõem o Fórum Sindical do Estado de Mato Grosso se reuniram para tratar de atos unificados das categorias, com intuito de alinhar estratégias para um diálogo institucional com os poderes legislativo e executivo.

O principal ponto colocado em discussão foi a deliberação do calendário de atividades e ações mais incisivas, para que se cumpra a Lei 10.572/2017 que trata da correção da Revisão Geral Anual (RGA) do subsídio dos servidores públicos e para que se estabeleça um diálogo entre o Fórum Sindical junto ao Governo do Estado.

Outro assunto importante debatido foi a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 32/20, do Poder Executivo, que altera dispositivos sobre servidores e empregados públicos, além de modificar a organização da administração pública direta e indireta de qualquer dos Poderes da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios e também a luta pelos RGA’s atrasados de 2019, 2020 e 2021. Foi abordado ainda sobre a Lei das Licenças Classistas.

“O Fórum está se reorganizando porque todos os segmentos sociais nessa pandemia entraram em um processo de desânimo, desestruturação e falta de esperança. A gente entendeu que foi um momento que todos nós vivenciamos, entretanto retomamos agora todas as discussões de mobilizar as nossas bases dos sindicatos e associações. Precisamos reagir, passou o tempo de ficarmos em casa de braços cruzados, agora estamos estabelecendo um calendário de mobilizações e ações capitaneada pela coordenação do Fórum e integrando ao processo toda nossa base” enfatizou a presidente do Sindicato dos Servidores da Saúde (SISMA), Carmem Machado.

Para o presidente da Associação dos Docentes da UNEMAT (Adunemat), Domingos Sávio da Cunha, a reestruturação da base é fundamental. “É necessário efetivamente que as entidades sindicais se concentrem para a mobilização de sua base, pois sem a mobilização dificilmente nós conseguiremos sensibilizar o Governo do Estado e o Legislativo para nossas demandas”.

Ficou estabelecido um calendário com ações incisivas que serão realizadas no decorrer do mês de novembro. Podendo este ser atualizado conforme demandas das categorias. Já referente a luta pelo RGA o Fórum concluiu que serão realizadas mobilizações entre as bases sindicais junto aos deputados federais.

Via | Assessoria Sisma-MT
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta