Duas camionetes roubadas, que seriam levadas para a Bolívia, foram apreendidas pelo Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron), neste domingo (07.10), em municípios da faixa de fronteira.  Os veículos, que estão avaliados em R$ 400 mil, seriam mercadorias de troca por entorpecente no país vizinho. Dois homens foram presos suspeitos por envolvimento com o tráfico internacional de drogas.

A primeira apreensão ocorreu por volta de 11h57, após abordagem de uma Hillux L200 durante patrulhamento na BR-174 no município de Porto Esperidião (320 km de Cuiabá). Após ser questionado, o condutor do veículo disse que locou a camionete no município de Catalão (GO) e que seguia em direção ao município de Pontes e Lacerda.

De acordo com o Gefron, o suspeito confessou que entregaria o veículo para uma outra pessoa e que esta o levaria para a Bolívia. Ele também confessou que receberia o valor de R$ 20 mil após a entrega do veículo. O suspeito foi preso e encaminhado para a delegacia de Polícia de Porto Esperidião.

A segunda apreensão ocorreu três horas depois na BR-070 durante abordagem a uma Nissan Frotier no Posto do Limão, em Cáceres (220 km de Cuiabá), por volta de 15h do mesmo dia. Após checagem, os policiais identificaram que o veículo teria sido apropriado no município de Santo André (SP) e o suspeito foi preso.

Segundo o Grupo de Fronteira, a maior parte dos veículos apreendidos nos municípios que fazem parte da região de fronteira é mercadoria de troca por drogas na Bolívia. Com a apreensão, o Gefron evitou que mais drogas fossem trazidas para o Brasil.

Motocicleta

Ainda no mesmo dia, na Comunidade São Simão do município de Vila Bela da Santíssima Trindade (520 km de Cuiabá), o Gefron recuperou uma motocicleta CG 125 Titan, preta, sem placas. Após checagem, os militares identificaram que se tratava de um veículo roubado no município de Acorizal (70 km de Cuiabá). A motocicleta estava abandonada na rua e nenhum suspeito foi identificado.

Via | Assessoria
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta