Devido a pandemia, o Idib elaborou um conjunto de medidas sanitárias para garantir a segurança dos participantes

O Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (Idib) ajusta os últimos detalhes para a realização das provas objetivas do processo seletivo do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), no próximo domingo, 13 . Ao todo, 1.177 oportunidades de trabalho estão em disputa. Assim como vem realizando em outros exames pelo país, a banca atenderá as normas sanitárias vigentes para o enfrentamento do novo coronavírus. As provas serão aplicadas em quatro escolas em Brasília para melhor distribuição dos candidatos.

Os locais serão higienizados e desinfetados com a pulverização de produtos químicos utilizados em ambientes hospitalares antes e depois das provas; nas entradas, todos os participantes terão suas temperaturas corporais aferidas, as mãos limpas com álcool 70% em gel e sapatos friccionados em tapetes umedecidos com desinfetantes; as salas e os banheiros terão suas capacidades de lotação reduzidas em 50% e serão arejadas apenas com ventilação natural (portas e janelas abertas); o uso de máscaras faciais será obrigatório em todo o período; profissionais treinados pelo Idib vão orientar os candidatos a respeitarem todas as regras, repetirem a higiene das mãos, assim como manter o distanciamento social mínimo de um metro e meio. Os portões de entrada serão abertos uma hora antes da prova para evitar aglomeração.

O concurso

São 107 vagas imediatas e 1.070 de cadastro de reserva para 12 cargos, cujas formações acadêmicas exigidas são de ensino superior nos cursos de arquitetura e engenharia (civil, ambiental e sanitarista, elétrica, mecânica e mecatrônica). Os salários iniciais variam de R$ 6.242 (analista técnico de obras) a R$ 8.293 (especialista técnico de obras).

Os candidatos devem ficar atentos ao site do Idib https://www.idib.org.br para acompanhar as informações, como os locais do exame e demais orientações. O concurso é válido por dois anos, podendo ser prorrogado por mais dois anos, e a convocação dos candidatos selecionados no cadastro de reserva ocorre nesse período, caso a administração pública precise preencher cargos que fiquem vagos por motivos de aposentadoria, desistência ou mesmo pela decisão de criar mais vagas.

Sobre o Idib

O Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (Idib) tem parcerias com órgãos e instituições de todo o território nacional e status que o credenciam como uma instituição sólida, respeitada e inovadora, uma das maiores bancas organizadoras de concursos públicos no país. Pioneiro na utilização de biometria digital e facial para a identificação de candidatos e redução de fraudes, conta com um aparato de segurança que inclui câmeras de alta definição com monitoramento 24h, sistema anti-hackeamento, detectores de metal, malotes de segurança lacrados impermeáveis e resistentes ao fogo, fragmentadoras, portas blindadas, comunicação por rádio amador e bloqueadores de celular – um verdadeiro arsenal contra irregularidades.

A instituição foi a primeira a organizar concurso público para o Exército Brasileiro: os certames da Escola Preparatória de Cadetes do Exército (Espcex) e o de admissão do Colégio Militar de Salvador (CMS), esse ano. Fazem parte do portfólio do Idib, também, a Ordem dos Advogados do Brasil de GO; o Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região, na BA; a Eletrobrás do PI; os governos dos estados de GO e PE; os Conselhos Regionais de Medicina do RJ, PE e MT; o Conselho Regional de Farmácia de MS; o Conselho Regional de Odontologia de PE; as Polícias Militares da PB e do ES; o Ministério Público do Estado do RS e a Câmara Municipal de Maceió.

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta