Duas adolescentes foram resgatadas em uma casa de prostituição, em Querência, no nordeste de Mato Grosso, nessa quarta-feira (26). As duas eram moradoras de Brasília (DF). Duas mulheres foram presas em flagrante por favorecimento à prostituição e tráfico de pessoas para exploração sexual.

A delegacia do município foi comunicada pela Delegacia de Repressão a Sequestros de Brasília (DF) sobre o possível desaparecimento de uma adolescente de 15 anos. Segundo informou a mãe, a filha estaria em Querência e sendo impedida de deixar o local por dívidas em uma casa de prostituição.

A equipe iniciou as investigações, que resultaram na identificação do local. Após monitoramento, os policiais civis confirmaram as denúncias.

Ao entrar no local, a equipe se deparou com duas adolescentes, a de 15 anos e outra de 17. As duas saíram de Brasília para Querência, há aproximadamente uma semana, para se entregarem à prostituição.

Na casa também foram identificadas duas mulheres, uma delas a gerente do estabelecimento, e outra a responsável pelo aliciamento e transporte das menores até Querência.

As suspeitas foram presas em flagrante pelos crimes de favorecimento à prostituição e tráfico de pessoas para fins de exploração sexual.

O delegado Rogério Gomes explica que as investigações continuam, uma vez que há indícios de participação de outras pessoas nos crimes.

Via | G1
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta