O jovem de 21 anos, foi identificado nas investigações de repressão ao tráfico de drogas realizada pelos policiais da Derf Rondonópolis, que apontavam que o jovem oferecia a droga em grupos do aplicativo de mensagem WhatsApp. Para oferecer o entorpecente, o suspeito enviava imagens da droga (maconha ou cocaína) em cima de uma balança de precisão.Mais um traficante que atuava com a venda de entorpecentes em Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá) foi preso pela Polícia Civil, na quarta-feira (20.05), em trabalho da equipe da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos do município. Além da prisão do suspeito, a ação resultou na apreensão de várias porções de maconha já embaladas para venda e apetrechos relacionados ao tráfico.

Durante as investigações, os policiais descobriram dois endereços ligados ao suspeito, um deles localizado na Vila Mariana e o outro em uma quitinete no bairro Jardim Marajó. O suspeito utilizava uma motocicleta Yamaha para fazer as enregas de entorpecente e no momento em que saia das quitinetes, os policiais iniciaram o seu acompanhamento.

Percebendo que o suspeito tinha saído para uma entrega, os investigadores realizaram a sua abordagem, sendo encontrado em poder do traficante uma porção de uma substância de maconha. Em continuidade as diligências, os policiais realizaram buscas nos endereços do suspeito, sendo encontrado em um dos locais várias porções de entorpecentes já embaladas para venda, balança de precisão, e material para embalo da droga.

Com o suspeito, também foi encontrado o aparelho celular utilizado para mandar as mensagens em grupos de WhatsApp oferecendo o entorpecente. Diante dos fatos, o jovem foi conduzido à Derf Rondonópolis, onde depois de interrogado, foi autuado em flagrante por tráfico de drogas.

Via | PJCMT
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta