De acordo com a Polícia Civil, Claudineide estava com seu filho e a irmã, e pegou carona com o motorista do veículo. Eles estavam seguindo de Nova Marilândia até Arenápolis .

O condutor do veículo relatou que estava descendo a serra quando o caminhão perdeu o freio. Para não bater em uma caminhonete que estava parada na pista, o motorista jogou o caminhão para fora da pista, subiu no meio feio, bateu em um poste e parou em um matagal.

Claudineide ficou presa às ferragens, chegou a receber atendimento médico de uma ambulância da cidade, mas não resistiu. A irmã da mulher estava em estado grave, mas até a publicação desta reportagem não houve atualização do quadro clínico. Ela foi encaminhada para uma unidade de Pronto Atendimento.

O filho de Claudineide e o motorista do caminhão tiveram ferimentos leves e receberam apenas atendimento médico no local.

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) fez o trabalho de investigação técnica, como analisar o perímetro do acidente e as condições que o corpo foi encontrado.

O cadáver da mulher foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), onde será feito o exame de necropsia.

O acidente será investigado pela Polícia Civil.

Via | RMT
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta