Foi instaurado um inquérito policial pelo delegado Waner dos Santos Neves e a vítima já foi ouvida.

Uma servidora, de 20 anos, da Prefeitura de Matupá, procurou a Polícia Civil para denunciar o prefeito Valter Miotto (MDB), de 60 anos, pelo crime de importunação sexual.

O G1 tenta localizar o prefeito, que não atendeu as ligações. Em contato com a Prefeitura de Matupá, o G1 recebeu a informação de que não existe assessoria de imprensa e que o caso só poderia ser tratado com o próprio prefeito, que não estava no local.

Conforme a Polícia Civil, a denúncia foi feita pela servidora na manhã de 18 de novembro.

Por se tratar crime contra dignidade sexual, informações não foram repassadas para não atrapalhar as investigações e para preservar a vítima.

A servidora afirmou, no boletim de ocorrência, que foi até o gabinete do prefeito para lhe entregar uma chave. Ao pegar a chave, o prefeito teria tentado agarrar a jovem à força.

Além disso, ele teria passado a mão em suas nádegas.

A servidora afirmou no boletim de ocorrência que se sentiu tão constrangida que pediu demissão do emprego.

Foi instaurado um inquérito policial pelo delegado Waner dos Santos Neves e a vítima já foi ouvida.

Fonte | G1

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *