Nessa quinta-feira (16) começaram a funcionar, em Primavera do Leste, leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) voltados para atendimento de pessoas infectadas pelo COVID-19, em estado grave. De início, três leitos serão abertos no Hospital São Lucas. Na medida em que os insumos, medicações e sedativos necessários para o funcionamento dos demais leitos chegarem na cidade, os outros oito serão abertos, de maneira gradativa. A previsão da Prefeitura de Primavera do Leste é para que daqui a uma semana todos os 10 leitos estejam em funcionamento.

Quem custeará serão o Governo do Estado e Governo Federal, com um valor de R$ 2 mil por leito/dia. Os leitos deverão atender pacientes das cidades de Primavera do Leste, Santo Antônio do Leste, Paranatinga e Poxoréu. A participação desses municípios na abertura dessa UTI foi a cessão dos equipamentos para a montagem dos leitos.

Assim que o Governo Federal e Governo Estadual abriram a possibilidade e autorização para habilitação de novos leitos COVID, imediatamente os municípios de Primavera e Campo Verde firmaram o protocolo de intenções. Ambos os municípios são considerados micro regiões e cada um tem a perspectiva de 10 leito.

Powered by Rock Convert

“Poucos municípios conseguiram montar novos leitos, o que deve, na região sul, desafogar os leitos do Estado instalados em Rondonópolis. Sabemos que será um luta diária devido à falta de produtos no Brasil, mas vamos trabalhar muito para mantê-los, assim que aberto”, diz o prefeito Léo Bortolin.

A Secretária de Saúde Laura Kelly ressalta que foi uma luta diária de 25 dias para conseguir montar os leitos o mais rápido possível. “Mas o motivo é nobre, é salvar a vida da nossa população”, declarou a secretária.

Fonte | Assessoria

Powered by Rock Convert
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *