O Ministério Público do Trabalho e a Justiça do Trabalho destinaram à Secretaria Municipal de Saúde de Alto Araguaia R$6.637,00 mil para aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e medicamentos. O valor ajudará os profissionais de saúde que estão na linha de frente de combate ao novo coronavírus no município.

A Secretaria Municipal de Saúde apresentou um projeto solicitando recursos para compra de luvas, aventais, luvas e toucas descartáveis, além do medicamento ivermectina. “O projeto possui inegável relevância no combate à pandemia da Covid-19, sobretudo porque os EPIS se dirigem à proteção dos profissionais de saúde, expostos a elevado risco de exposição ao contágio pelo novo coronavírus”, pontua a procuradora do MPT Louise Monteiro Gagini, da PTM de Rondonópolis.

A destinação foi aprovada pela Vara do Trabalho de Alto Araguaia, onde tramita o processo, e segue as recomendações publicadas pela corregedoria do TRT de Mato Grosso e pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP), que orientam que os valores sejam disponibilizados para a promoção de ações afirmativas com foco em medidas de combate à pandemia de Covid-19.

O estado de Mato Grosso atualmente é identificado como o epicentro da Covid-19 no Brasil, com mais de 22 mil casos confirmados da doença. O município de Alto Araguaia possui um histórico de 66 casos e três mortes.

ExTAC 0000362-74.2016.5.23.013

Fonte | Ministério Público do Trabalho em Mato Grosso (MPT-MT) e IFMT

Powered by Rock Convert
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *