A BR Distribuidora informou nesta terça-feira (14) que está retomando a comercialização da gasolina de aviação, após a Petrobras, seu único fornecedor do produto, oferecer informações técnicas suficientes para identificação exata do lote que apresentou teor de compostos aromáticos menor do que os lotes até então importados. Essas informações permitiram que a BR, em conjunto com suas revendas, fizesse o rastreamento dos locais onde aquele lote está armazenado e iniciasse o processo de completo recolhimento daquele produto;

A medida adotada pela petroleira foi decorrente da detecção, no sábado (10), de um lote de gasolina para aeronaves (AVGAS) com teor de compostos aromáticos diferente dos lotes até então importados, embora dentro dos requisitos de qualidade exigidos pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

As vendas pela BR estão sendo retomadas porque, segundo a distribuidora, a Petrobras ofereceu informações técnicas suficientes para a identificação exata do lote que apresentou teor de compostos aromáticos menor.

“Essas informações permitiram que a BR, em conjunto com suas revendas, fizesse o rastreamento dos locais onde aquele lote está armazenado e iniciasse o processo de completo recolhimento daquele produto”, informou em nota a companhia, que no segmento de aviação atua como BR Aviation.

Novos lotes, “sem qualquer relação com o indicado pela Petrobras”, já estão sendo fornecidos aos revendedores e clientes a partir da base da BR em Cubatão (SP), segundo a empresa.

Fonte | Redação com Assessoria
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *