Último boletim da SES mostra que apenas 16 cidades de MT estão na situação mais crítica; destas apenas quatro estão em quarentena obrigatória

Número de municípios com risco muito alto para a disseminação do novo coronavírus reduziu 50% em quatro dias. Na última quinta-feira (09) eram 32 municípios nesta condição e, de acordo com o novo boletim da secretaria de Estado de Saúde, nesta segunda-feira eram 16.

Continuam em alerta máximo Cuiabá, Várzea Grande, Rondonópolis, Cáceres, Primavera do Leste, Tangará da Serra, Sinop, Peixoto de Azevedo, Barra do Garças, Colíder, Chapada dos Guimarães, Jaciara, Vila Rica, Porto Esperidião, General Carneiro, Barão de Melgaço e Rosário Oeste.

Cuiabá, Várzea Grande e Rondonópolis estão em quarentena obrigatória devido a decisões judiciais.

Em Chapada dos Guimarães, a quarentena obrigatória passou a valer no último domingo (11), por decisão da prefeita Thelma de Oliveira.

Em Cáceres, a prefeitura havia decretado a quarentena obrigatória, mas flexibilizou as medidas desde esta segunda-feira (13).

Em Sinop, a prefeitura liberou aulas na educação infantil, abertura de bares e restaurantes com clientes em mesas, e atividades religiosas no último domingo.

Nos demais municípios com risco muito alto para a covid-149 existem algumas medidas restritivas, mas não estão em quarentena obrigatória como orienta o decreto do governo do Estado.

Com risco alto estão 40 municípios: Sorriso, Lucas do Rio Verde, Pontes e Lacerda, Nova Mutum, Querência, Cláudia, Tapurah, Vila Bela da Santíssima Trindade, Mirassol D’Oeste, Campo Verde, Nossa Senhora do Livramento, Alto Garças, Poconé, Feliz Natal, Canarana, São José dos Quatro Marcos, Nobres, Juína, Ribeirão Cascalheira, Barra do Bugres, Campinápolis, Novo Mundo, Araputanga, Alto Paraguai, Rio Branco, Itaúba, Denise, Nova Monte Verde, Nova Olímpia, Nova Xavantina, São Pedro da Cipa, Nova Brasilândia, Santo Antônio do Leverger, Paranaíta, São Félix do Araguaia, São José do Rio Claro, Santo Afonso, Nortelândia, Nova Guarita, Castanheira, Apiacás, Cotriguaçu, Jauru, Salto do Céu, Brasnorte, Nova Nazaré e Ribeirãozinho.

Fonte | SES-MT

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *