Fredson Naves Garcia, de 31 anos, foi reconhecido enquanto estava em um posto de combustível e denunciado

Fredson Naves Garcia, 31 anos, foi preso, ainda dentro do período de flagrante, na tarde dessa quarta-feira (13) em um posto de combustíveis, localizado na MT-170, em Juína (735 km a noroeste da Capital), após ser reconhecido por populares que acionaram a Polícia Militar (PM) e o entregaram.

Fredson foi ‘flagrado’ pela esposa estuprando a enteada de 12 anos durante a madrugada, dentro da casa do casal, em uma fazenda que fica a aproximadamente 45 km do município de Juína.

O acusado foi detido em uma moto, por volta das 16h, pela PM e foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, onde durante depoimento, questionado sobre os abusos sexuais, Fredson teria confessado que passou a mão nas partes íntimas da enteada, porém, negou que tenha tido relação sexual com a menor.

A ocorrência foi registrada por crime de estupro de vulnerável e o acusado mantido preso à disposição da Justiça.

Entenda o caso

A esposa do acusado relatou à PM que por volta das 4h acordou e notou a porta do quarto da menor fechada, porém, ao deitar novamente escutou a porta do quarto da filha fazer barulho, quando se levantou para ver o que estava acontecendo flagrou o marido apenas de toalha no banheiro e a menina chorando no quarto.

A mulher disse que foi socorrer a filha e questionou o que tinha acontecido. Inicialmente a garota dizia que não era nada, no entanto, ao insistir a menina confessou que acordou com o padrasto passando a mão nas partes íntimas dela.

Fonte | RMT  Foto | Arquivo Pessoal

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *