O livro “À Sombra do 13” do escritor Édson Ceretta foi lançado na noite de ontem (13) na Casa do Rio – Casario em Rondonópolis, leitores, amigos, escritores e patrocinadores para a realização desse sonho estiveram presentes no evento.

“Foram anos dedicados a essa história, e um esforço incansável de aprimoramento nos anos que se seguiram, e escrever e poder lançar esta obra, é uma realização de um projeto pessoal, e esse livro que hoje chega até os leitores é um trabalho bastante lapidado”, relatou o escritor.

Édson Ceretta, nasceu em Palmitinho – RS. Tem 42 anos, e há 15 reside em Mato Grosso, e sempre foi um apaixonado pela leitura e escrita. “À Sombra do 13” é uma história  de ficção, mas que surgiu devido a uma cadeia de situações negativas que aconteceram com o escritor na adolescência e juventude, que foram escritas, guardadas e hoje está materializada nesta obra.  O livro tem 252 páginas, contendo iluminuras e imagens nos 13 capítulos, é uma obra de romance de ficção, que tem como cenário uma cidade imaginária do Rio Grande do Sul, chamada “Penumbrópolis”. A produção cultural foi do escritor Rondonopolitano Hermélio Silva, revisão profissional da escritora Elaine Aliaga, e o artista plástico, Professor Sênio Alves, assina as gravuras e as iluminuras dos 13 capítulos.

“Mais um novo escritor em nossa cidade, e a gente vê com bons olhos, principalmente eu que tenho paixão pela literatura, o Édson vem somar aqui aos nossos demais colegas e escritores, e também complementando a bibliografia da nossa cidade”, disse o Presidente da Academia Rondonopolitana de Letras, Dr. Ailon do Carmo.

O livro conta a história de um guarda-livros que é surpreendido em sua rotina, em uma sexta-feira 13, ao ser atormentado por estranhos e inesperados acontecimentos, envolvendo números e datas, relacionados ao “13”. Em dado momento, o personagem se vê rendido por embaraçosas forças do destino. Aterrorizado e sem saída, ele decide finalmente dar cabo em sua vida. O que será que acontece com esse guarda-livros? Qual decisão ele tomará? E o que será de “Penumbrópolis”? Édson Ceretta, disse que seu discurso que esse é só a primeira obra, de muitas outras.

“Eu pretendo continuar minha jornada de escritor, porque é algo que gosto, e eu já me imagino escrevendo uma sequência para quem se submete a sombra do 13”, falou Édson Ceretta.

Quem quiser embarcar nessa história de fatos e acontecimentos nebulosos, podem adquirir o seu exemplar com o próprio escritor Édson Ceretta pelo telefone (66) 99611-3069.

Fonte | Assessoria

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *