Nascido em Selbach, Rio Grande do Sul, Neri Geller construiu raízes sólidas em Lucas do Rio Verde e, neste ano, se lança a deputado federal como legítimo representante do produtor rural. Tendo sua vida marcada pela simplicidade e origem humilde, Geller vem conquistando cada vez mais espaço na política mato-grossense, já que sua trajetória traz importantes passagens como: vereador de Lucas por dois mandatos, deputado federal e ministro da Agricultura em 2014.

Filiado ao Progressistas (PP), o empresário e produtor rural botou a campanha na rua com um vídeo do ministro da Agricultura, Blairo Maggi, referendando seu nome.

“Agradeço muito a confiança do Blairo, e a oportunidade que tivemos de trabalhar juntos (no Mapa) por Mato Grosso. Os avanços só foram possíveis porque ele sempre foi parceiro. Ter seu apoio à minha campanha só aumenta minha responsabilidade”, enfatiza Neri.

Com a campanha tomando corpo e o slogan “Trabalho Comprovado”, o progressista se beneficia dos recursos que conseguiu destinar para Mato Grosso, já que mais de 120 municípios foram atendidos com entrega de máquinas agrícolas, após gestão que gerou economia na secretaria de Política Agrícola, no Mapa, que ficou sob responsabilidade de Geller até abril deste ano.

“O Neri foi o grande responsável pelo avanço e melhoria das estradas e fortalecimento da agricultura familiar, porque graças à sua ação no Ministério, a maioria dos municípios de Mato Grosso foi agraciada com equipamentos agrícolas”, relatou o prefeito de Porto dos Gaúchos, Baixinho Piovezan.

POR CUIABÁ

A distribuição de milhares de kits de irrigação para o pequeno agricultor; recursos de R$ 3,6 milhões para modernização do Terminal do Porto, e R$ 1,2 milhão para reestruturação do Centro Atacadista, ambos em Cuiabá, entre outras ações, também fortaleceram o nome de Neri Geller na Capital, colocando-o como um dos candidatos à Câmara Federal mais bem avaliados nas pesquisas em todo o Estado.

Fonte | Folhamax

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *