A menos de dois dias para realizar a convenção partidária, o presidente regional do DEM, deputado Fábio Garcia, garante que até sábado (4), já estarão definidos os nomes dos quatro suplentes de senador, assim como a confirmação dos partidos que deverão compor aliança em torno do projeto de Mauro Mendes pelo governo do Estado e se irá concorrer à reeleição o deputado estadual Mauro Savi, correligionário da sigla que está preso há mais de três meses.

Em relação aos nomes dos suplentes para os pré-candidatos ao Senado Jayme Campos (DEM) e Carlos Fávaro (PSD), Garcia diz que ainda não tem conhecimento de quais nomes deverão ser definidos e que não conhece quem são os pretensos candidatos às vagas de suplência.

Quanto aos critérios para a escolha dos suplentes, Fabio explica que serão considerados os nomes que tenham capacidade para atuar como senadores, caso o titular precise se afastar do mandato.

Em relação ao apoio de outras siglas partidárias na composição da aliança com o DEM, Garcia garante que as negociações estão bem avançadas, e que na convenção no sábado (4), serão anunciadas.

Mauro Savi

O deputado Mauro Savi (DEM), preso há mais de três meses também é outra indefinição. Garcia explica que já recebeu a formalização do deputado, que manifestou interesse em se candidatar a reeleição.

Quanto a isso, a definição deverá ser tomada pela diretoria executiva do DEM, e a resposta se Savi poderá ser candidato ou não será anunciada nesta sexta (3). Savi está preso preventivamente por suposta participação em esquema de corrupção no Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

 

Fonte | RDNews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *