Por outro lado, houve queda de 30,7% nos lançamentos de novos empreendimentos. O levantamento foi realizado pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), em parceria com o SENAI Nacional.

Segundo o presidente do Conselho Regional dos Corretores de Imóveis de Mato Grosso, Benedito Odário, setores representativos do mercado imobiliário precisa de novos incentivos e novos mecanismos que estimulem o investimento, como o caso da construção civil, onde o resultado do PIB mostrou retração no primeiro trimestre deste ano. “Mas continuamos otimistas e temos convicção que a compra de imóveis será o melhor negócio para se realizar em Mato Grosso. Estamos muito confiantes, em razão de dados como os que vêm sendo divulgados e para nós, profissionais corretores de imóveis, com certeza é trabalho garantido”, avalia Odário.

Fonte | Creci MT

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *