Suspeito foi filmado saindo com uma das caminhonetes e admitiu os furtos. Segundo a Polícia Civil, um dos veículos já estava com as placas adulteradas.

O funcionário de um hotel em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, foi preso suspeito de furtar duas caminhonetes fo estacionamento de um hotel em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, para levar para a Bolívia.

Segundo a Polícia Civil, o suspeito, identificado como João Victor Dias Brito, de 23 anos, foi preso na noite de sexta-feira (16). Ele trabalhava em um hotel localizado próximo ao Aeroporto Marechal Rondon.

Ao ser preso, o suspeito, inicialmente, teria negado as acusações. Porém, ao ser informado de que havia sido filmado pelas câmeras de segurança do hotel durante um dos furtos, ele admitiu o crime e mostrou aos policiais da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derrfva) onde havia escondido os veículos.

As duas caminhonetes Hilux de cor branca, que foram furtadas do hotel na quarta-feira (14) e na sexta-feira (16), foram recuperadas.

O suspeito foi preso na casa dele, no Bairro Jardim Glória I, em Várzea Grande. Primeiro, ele levou os investigadores até a Avenida Júlio Campos, onde estava uma das caminhonetes furtadas. Na checagem, foi verificado que a placa não conferia com o número do chassi. Já a chave do veículo foi apreendida em um terreno baldio no bairro onde o suspeito mora.

Na sequência, o funcionário do hotel levou os policiais civis a outro terreno baldio no Bairro Ipase, onde foi apreendida a placa original da caminhonete e o documento do veículo. A segunda caminhonete furtada foi encontrada no próprio hotel, mas apenas com a placa dianteira

Na delegacia, o suspeito afirmou que aproveitava da confiança que tinha do gerente para agir e que cometia os delitos para utilizar em proveito próprio. Porém, segundo a Polícia Civil, os indícios apontam que as caminhonetes furtadas teriam como destino a Bolívia, pois já estavam com as placas adulteradas.

Após ser autuado em flagrante por furto qualificado mediante abuso de confiança, adulteração de sinal identificador de veículo automotor e associação criminosa, João Victor foi apresentado para audiência de custódia no Fórum de Cuiabá e colocado à disposição da Justiça.

Fonte | Assessoria

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta