Vítimas, de 14 e 20 anos, foram encontradas esfaqueadas dentro de casa

O crime ocorreu em agosto e teve grande repercussão. Os irmãos foram encontrados esfaqueados dentro de casa por familiares. Testemunhas flagraram quando o ex-namorado da jovem saiu do imóvel correndo e com ferimento em uma das mãos. A faca utilizada no crime foi encontrada na mochila dele, na porta da residência.

“A defesa já requereu exame de insanidade mental que será realizado no dia 24 de fevereiro, por entender que ele não tem plena capacidade de atuar na vida civil”, afirmou o advogado Roberto de Carvalho. A audiência sobre o caso aconteceu no Fórum de Guarujá e cinco pessoas foram ouvidas.

“Ele tirou o chão da minha vida. Ele me tirou tudo isso. Estou enterrando meus netos pela 2ª vez”, desabafou a avó de Nathália e Matheus, Gloria das Dores Silva dos Santos. Ela foi uma das testemunhas ouvidas pelo juiz, assim como a mãe dos jovens. Ambas pediram para que Matheus saísse da sala no depoimento.

O caso

Segundo informações da Polícia Militar, Nathália e Matheus foram encontrados com perfurações de faca, caídos no chão nos cômodos da casa, na Rua Álvaro Leão Carmelo, no Distrito de Vicente de Carvalho. Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram acionadas e constataram a morte no local.

Preliminarmente, a polícia apurou que Nathália estava na companhia do ex-namorado, identificado como Matheus Fernandes, antes do ocorrido.

Equipes da polícia estiveram na casa do suspeito e foram informadas de que ele havia sido levado por um tio até um hospital. Todas as unidades de saúde da cidade foram visitadas por policiais militares, que não o encontraram. O caso foi encaminhado para o 1º DP da cidade, em Vicente de Carvalho e pouco tempo depois o suspeito foi preso.

Fonte | G1


(Visited 2 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta