A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) realizou com muito sucesso o “Dia D” de vacinação no sábado (25) e anunciou que o Ministério da Saúde já sinalizou e a partir desta segunda-feira (27), o município passou a disponibilizar a vacina contra a Influenza (gripe) para toda a população incluindo crianças a partir dos seis meses de vida, jovens e adultos, bem como os grupos prioritários.

Segundo o balanço do “Dia D” municipal de vacinação, 3.391 pessoas foram vacinadas, sendo que 1.228 contra a Influenza (gripe); 895 contra a Covid-19; outras 918 pessoas receberam a Tríplice Viral e ainda outras 350 que tomaram vacinas de rotina.

A Técnica da Vigilância Epidemiológica e Vacinação, Cibely Carvalho, faz um alerta as pessoas que procurem uma, entre as mais de 60 unidades básicas de saúde do município para se imunizarem. “Nós estamos entrando no período do inverno, onde as pessoas ficam gripadas, resfriadas com mais intensidade e isso pode levar também a uma pneumonia, pode levar a uma internação e chegar a um desfecho que a gente não deseja, que é um óbito. Por isso estamos convocando principalmente os grupos prioritários, que são os idosos, as mulheres do pós-parto; as crianças de até 4 anos 11 meses e 29 dias; as gestantes, os trabalhadores da saúde e da educação, e todas as pessoas que possuam alguma comorbidade ou alguma doença ou condição de saúde especial que lhe dá o direito de tomar a vacina contra a gripe influenza”, explicou.

Cibely destaca que além dos grupos prioritários, a vacina contra a influenza será disponibilizada a toda a população, a começar por crianças de mais de seis meses de vida. Ela reforça a importância da imunização vacinal, que vai preparar as pessoas para enfrentar esse inverno que está chegando e evitar a possibilidade de adoecer com a gripe, ou ainda infecções respiratórias resultantes desse período de sazonalidade agora no começo do inverno.

A técnica da Vigilância garante que tem vacina suficiente para todos e acrescenta que além da vacina contra a influenza, os postos de saúde também continuarão a oferecer vacinas contra o sarampo e contra a Covid-19, de segunda a sexta-feira, das 7h as 11h e das 13h as 17h.

Via | Ailton Lima   Foto | Antonio Carmelo

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta