Marcelo Lupatini fala sobre sua missão que é manter os produtores rurais unidos

Para o novo presidente do Sindicato Rural de Lucas do Rio Verde, Marcelo Lupatini, de 37 anos, a parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT) é primordial para minimizar a falta de mão de obra qualificada. “Mais que isso. Esta parceria também nos ajuda a atender a área de promoção social. Estes são nossos principais gargalos”, destaca.

Lupatini anunciou a construção do Núcleo Avançado de Capacitação (NAC), em Lucas do Rio Verde e a realização da primeira turma de Academia de Liderança só para mulheres.  O novo presidente destaca ainda que sua missão à frente do Sindicato Rural de Lucas do Rio Verde é manter a união dos produtores rurais. “Queremos que eles tragam seus problemas e necessidades para discutirmos dentro do Sindicato Rural. Estamos aqui para ajuda-los”.

Mutirão Rural é um dos principais projetos da área social do Senar-MT

Falta de mão de obra qualificada é um problema que tira o sono dos produtores rurais há muito tempo. Com o impacto causado pela pandemia da Covid 19, este problema ficou ainda mais grave. “E é o Senar-MT que vai nos ajudar a minimizar esta situação. Temos 120 treinamentos previstos para 2022. Com a construção do NAC vamos dobrar este número em 2023”.

De acordo com o novo presidente, o objetivo é intensificar a parceria com o Senar-MT não só para aumentar o número de cursos, mas também para melhorar a qualidade dos serviços ofertados. “A cada dia que passa aumenta o número de pessoas querendo se qualificar. Formar o profissional do zero. É para isso que precisamos da parceria e do apoio do Senar-MT”, enfatiza Lupatini.

Via | Assessoria Senar-MT
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta