Versão modernizada traz novas opções de ferramentas aos mais de 80 milhões de usuários de serviços e programas do Governo Federal

O presidente da República, Jair Bolsonaro, e o ministro da Cidadania, João Roma, lançaram nesta quarta-feira (30.03) o novo aplicativo do Cadastro Único. A ferramenta traz mais opções aos usuários, como a possibilidade de auto-cadastramento, mapa georreferenciado com os pontos de atendimento mais próximos aos cidadãos, extrato dos benefícios, notificações e assistente virtual.

“Estamos hoje entregando a modernização do Cadastro Único. Com essa nova ferramenta, o contato com o cidadão será ainda mais direto, porque esse é o direito de cada um”, destacou João Roma. “É para isso que nós todos trabalhamos, que nós todos nos empenhamos, nos arriscamos. Para deixar o Brasil melhor”, afirmou o presidente Jair Bolsonaro.
O aplicativo está disponível para celulares nos sistemas Android e IOS. Há mais de 80 milhões de pessoas com registro no banco de dados do Governo Federal. O Cadastro Único é usado pelo Governo Federal para definir quem é elegível a mais de 28 benefícios e iniciativas, como o Auxílio Brasil, Auxílio Gás, Enem, Tarifa Social de Energia Elétrica e Casa Verde Amarela, por exemplo. Com a modernização do Cadastro Único, os novos cruzamentos de dados serão feitos a partir de mais de 36 bilhões de registros.

“Com a aposta na digitalização de serviços via gov﹒br estamos colocando na palma da mão dos brasileiros soluções digitais que tornam mais simples e rápido o acesso da população a diversas políticas públicas”, disse o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Caio Mario Paes de Andrade. “O novo aplicativo do Cadastro Único é mais um avanço na transformação digital do governo que está eliminando filas, papel e a burocracia da vida dos brasileiros”, complementou.
A modernização do Cadastro Único facilita o acesso dos cidadãos aos serviços sociais. O auto-cadastramento reduz o tempo de espera nas unidades de atendimento, já que a pessoa chega ao local com a necessidade de apenas completar e confirmar seus dados.
“A tecnologia vai facilitar ainda mais o acesso ao Cadastro Único, que é a porta de entrada do cidadão em situação de vulnerabilidade para os principais programas sociais do Governo Federal. É uma nova ferramenta para garantirmos mais cidadania a quem mais precisa e transparência dos recursos públicos”, frisou o ministro João Roma.

O cadastramento presencial continua da mesma forma. O aplicativo é mais uma facilidade para o cidadão ter acesso ao sistema. O Ministério da Cidadania vai ampliar a conectividade dos Postos do Cadastro Único em mais de 700 municípios.

O aplicativo foi lançado durante agenda do presidente da República em Parnamirim (RN), que marcou a conclusão do primeiro trecho da Linha Branca da linha férrea da Grande Natal.

Via | Assessoria
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta