Escolas públicas e privadas de todo país já podem se cadastrar e fazer uso dos materiais disponíveis no ambiente virtual.

O Ministério da Educação (MEC) disponibilizou, para todas as escolas públicas e privadas do Brasil, a Plataforma de Avaliações Diagnósticas e Formativas. A ferramenta auxilia no diagnóstico e acompanhamento das aprendizagens dos estudantes e está disponível para cadastro e utilização dos materiais constantes no ambiente virtual.

Por meio do lançamento dos resultados, a plataforma permite a interpretação das informações, além de disponibilizar infraestrutura computacional dimensionada para atender as escolas e redes de ensino fundamental e médio. Para conhecer a ferramenta, basta realizar o cadastro.

Professores, diretores e secretários de educação podem se cadastrar diretamente na plataforma, que já conta com um total de 139.824 profissionais cadastrados, sendo 6.069 gestores das redes de educação, 14.983 diretores, 9.208 coordenadores pedagógicos e 109.564 professores.

No ambiente virtual estão disponíveis 579 cadernos de avaliação, compreendendo os componentes curriculares de Língua Portuguesa, Matemática, Ciências da Natureza, Língua Inglesa, Fluência e Produção Textual. As avaliações correspondem ao primeiro ciclo de 2022 e abrangem toda a etapa do ensino fundamental (1º ao 9º ano) e ensino médio (1º ao 3º ano).

Ainda neste ano, serão disponibilizados 4 ciclos de avaliações diagnósticas e formativas, permitindo o acompanhamento do desempenho dos estudantes bimestralmente e uma melhor organização do trabalho pedagógico das escolas com objetivo de recuperar, efetivamente, as dificuldades de aprendizagem mapeadas pela plataforma.

Via  | Assessoria de Comunicação Social do MEC com informações da SEB

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta