O furto de materiais como fios elétricos, luminárias, baterias entre outros bens diminuiu 90% com a implantação do CCO – Centro de Controle Operacional do Sanear, que monitora 24 horas as instalações das unidades da autarquia pública municipal.

Com investimento na ordem de R$ 800 mil, implantado a mais de um ano, o CCO, além da vigilância das agências comerciais, elevatórias de esgoto, poços artesianos, almoxarifado central, estação de captação de água no Rio Vermelho, estações de tratamento de água e esgoto em tempo real, monitora os equipamentos que controlam a vazão de água, nível de reservatórios, e bombas, dentre outros equipamentos de suma importância para o abastecimento de água e o funcionamento adequado da rede de esgoto.

Localizado na sede do Monte Líbano o CCO registra todos os movimentos através de câmeras de vigilância interligadas, por fibra ótica, e imediatamente à constatação de movimentos suspeitos a polícia é acionada para averiguação. Na última segunda-feira (14) o CCO apurou uma invasão na estação elevatória de esgoto da Vila Canaã, imediatamente a polícia foi acionada, via SIOSP, e o suspeito foi preso, sem causar prejuízo ao erário.

O diretor presidente do Sanear Hermes Ávila de Castro salientou que o investimento vale a pena. “Com diminuição significativa dos furtos esse investimento tem poupado recursos e prejuízos para a população. Sempre que é furtado os equipamentos ou fiação elétrica de um local, como por exemplo um poço artesiano, o cidadão sofre com a falta de água. Já com o monitoramento dos equipamentos nas unidades, via CCO, imediatamente tomamos conhecimento de possíveis anomalias, isso facilita a tomada de decisão e proporciona maior eficiência na resolução dos problemas operacionais ”, completou.

Via | Assessoria
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta