A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT), por meio da Gerência de Planejamento de Fiscalização e Combate ao Desmatamento, promoveu o curso de capacitação de fiscalização ambiental para policiais militares. O curso iniciou na segunda-feira (07) e finalizou na sexta-feira (11).

Dois policiais ambientais de Rondonópolis participaram da capacitação que aconteceu de forma presencial com o objetivo de ensinar o conhecimento tecnológico necessário para que os profissionais possam compor as equipes de fiscalização em campo.

Os profissionais da Polícia Ambiental, de várias regiões do Mato Grosso, receberam capacitação do básico ao avançado, sobre como utilizar diversas ferramentas e bancos de dados para a fiscalização ambiental, incluindo o sistema de monitoramento por satélites Planet. A ferramenta monitora todo o território de Mato Grosso desde 2019, financiada pelo Programa REM Mato Grosso.

O curso ocorre anualmente para os profissionais da Polícia Militar de proteção ambiental por conta da renovação das equipes. A turma deste ano é composta por 13 alunos.

Este slideshow necessita de JavaScript.

“Este processo é fundamental para a realização de um trabalho integrado e é resultado de uma estratégia que foi definida pelo Estado e instituições parceiras, Batalhão da Polícia Militar de Proteção Ambiental e Corpo de Bombeiros, para desenvolver métodos alinhados de combate às infrações contra a flora” conta a analista ambiental da Sema e instrutora do curso, Lauriene Evelyn de Castro.

Ela ressalta que o curso ainda possibilita a integração entre os agentes públicos, melhora os processos, e aumenta o número de pessoas aptas para estarem em campo.

Após a capacitação, os policiais vão atuar principalmente no âmbito da fiscalização de combate às infrações contra o meio ambiente, que envolvem desmatamento e exploração florestal ilegal, em todo o estado.

Via | Assessoria
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta