Especialista alerta para um possível aumento das tentativas de golpes este ano e recomenda uma cuidadosa pesquisa sobre os fornecedores antes de adquirir produtos

As expectativas do mercado para a Black Friday estão altas, principalmente no que se refere às vendas on-line. Isso se deve, em grande parte, à confiança que o consumidor adquiriu no e-commerce durante a pandemia. Segundo a pesquisa Webshoppers, as vendas nessa modalidade no Brasil cresceram 31% no primeiro trimestre de 2021 em relação ao mesmo período do ano passado. No entanto, a popularização do comércio virtual traz consigo alguns perigos, como o aumento das tentativas de golpes.

Um atalho para quem quer minimizar os riscos na Black Friday são os grandes players do mercado, que, geralmente, já possuem sistemas estruturados e seguros. No entanto, a recomendada pesquisa de preços, muitas vezes, revela a existência de boas oportunidades também em empreendimentos menores. Para usufruir delas com segurança, é preciso tomar uma série de cuidados que servem, não somente para essa ocasião, mas são boas práticas para a compra on-line de modo geral.

Leonardo Carvalho é coordenador do MBA em Gestão de Negócios no Centro Universitário Newton Paiva Ele alerta que esse ano, ainda mais que nos anteriores, a cautela deve ser redobrada. Segundo ele, uma das principais dicas se refere ao recebimento de ofertas pelo consumidor, seja por e-mail ou redes sociais. “Muitos golpistas criam sites falsos com layouts muito similares aos originais para enganar o internauta. Por isso é importante desconfiar sempre. Em vez de clicar no link direto, procurar o endereço no browser para checar a veracidade”, recomenda.

No entanto, utilizar os sites oficiais das empresas também requer cuidados. Afinal, eles também podem ser usados para aplicação de golpes. Para Leonardo, a melhor forma de se proteger é pesquisando sobre a procedência do fornecedor, além de opiniões de outras pessoas que já utilizaram o site em outras ocasiões. Além disso, também é importante pesquisar os preços. Não só para fazer bons negócios, mas também para identificar aquelas ofertas que parecem “boas demais para serem verdadeiras”.

Outra dica valiosa para identificar sites confiáveis é fazer uma busca pelo Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ). “Por meio desse número é possível ver várias informações relevantes sobre a organização, como a data de fundação, por exemplo. Vale desconfiar de empresas que foram criadas há muito pouco tempo, pois as chances de se tratar de uma fachada são maiores”, explica o professor da Newton Paiva.

Sobre o Centro Universitário Newton Paiva

Com 49 anos de história, três modernos complexos em Belo Horizonte (MG) e mais de 80% do corpo docente formado por mestres e doutores, a Newton está entre as principais instituições de ensino superior de Minas Gerais. A Newton oferece cursos de graduação, pós-graduação e a distância nas áreas de ciências exatas, tecnologia, saúde, comunicação, ciências sociais e direito, além de programas de iniciação científica e de extensão e cursos livres online e presenciais. Consagrada pela alta qualidade acadêmica e excelente infraestrutura, conta com avançados laboratórios, núcleos de prática em diversas áreas do conhecimento e centros de inovação como o Fab Lab Newton, CNE – Centro Newton de Empreendedorismo, CEJU – Centro de Exercício Jurídico, NPCont – Núcleo de Práticas Contábeis e o Smart Campus – primeiro campus inteligente do estado. Os estudantes dos cursos de saúde, por exemplo, contam com as clínicas-escolas de Odontologia, Psicologia, Fisioterapia, Enfermagem, Farmácia, Estética e a Clínica de Veterinária. Nesses espaços, orientados pelos professores, os estudantes aplicam na prática o conhecimento adquirido em sala de aula e prestam serviços para a população, e os alunos de Arquitetura e Urbanismo contam com o escritório-modelo, Studio N. Além da reconhecida qualidade de ensino e de privilegiar a prática, a Newton investe permanentemente no relacionamento com o mercado, firmando importantes parcerias para proporcionar a seus alunos as melhores perspectivas e oportunidades profissionais, incluindo convênios e acordos com instituições educacionais internacionais.

Como parte de seu compromisso de promover a reflexão e incentivar uma mudança de atitude com relação ao desenvolvimento sustentável, à consciência ambiental e ao consumo consciente, a Newton apoia e promove os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), uma agenda firmada em 2015 por 193 países junto à ONU, para acabar com a pobreza, lutar contra as desigualdades e a injustiça e combater as mudanças climáticas até 2030.
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta