A capital mato-grossense é a campeã nacional de energia solar distribuída, pelo terceiro mês consecutivo, segundo relatório divulgado em setembro pela Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR). Em segundo lugar está Brasília (DF), e em terceiro, Uberlândia  (MG).

Cuiabá possui uma capacidade instalada de 86,0 MW de geração fotovoltaica em geração distribuída.

Desse montante, a Oeste Solar, empresa especialista em energias renováveis, é responsável por aproximadamente 30% dessas instalações. De acordo com o diretor da empresa, Tiago Vianna, o aumento da procura pela energia solar se deve ao fato  do alto valor da energia no Brasil, em especial neste ano devido à crise hídrica e ao aumento da energia causada pelas bandeiras tarifárias .

“A sustentabilidade também é um dos fatores que pesa na decisão do consumidor, pelo fato da captação de energia elétrica ser feita pela luz do sol, que é abundante e renovável, não afetando o meio ambiente”, explica Vianna.

A captação de energia solar é feita por placas fotovoltaicas, e enviada para o inversor que converte a corrente contínua em corrente alternada, sendo jogada na rede ou armazenada em baterias para uso direto do consumidor.

O diretor acrescenta que, “a Oeste Solar oferece ao cliente todo o suporte necessário. “Acompanhamos desde a visita técnica de viabilidade, passando pelo desenho do projeto, trâmites com a concessionária, até a manutenção do sistema instalado. Prestamos todo esclarecimento para o consumidor, que com certeza estará realizando um ótimo investimento”.

Via | Assessoria
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta