Um casal e um bebê de 11 meses morreram carbonizados no acidente envolvendo duas carretas na BR-163, em Nova Mutum, a 269 km de Cuiabá, nesta quinta-feira (9). O motorista da segunda carreta estava sozinho e conseguiu escapar antes da explosão dos veículos.

A família morta no acidente foi identificada como: Adriano Vitorino dos Santos, de 46 anos, (motorista), Francielle Aparecida dos Reis Santos, 31 anos, e o filho deles, Gabriel Alaf, de 10 meses. Eles moravam em Campo Grande (MS).

De acordo com a concessionária Rota do Oeste, as vítimas mortas no acidente estavam na carreta vermelha e não conseguiram sair do veículo após a batida. Elas foram encontradas carbonizadas, após o controle das chamas.

As carretas estavam carregadas, uma com milho e outra com papelão — Foto: Divulgação

As carretas estavam carregadas, uma com milho e outra com papelão — Foto: Divulgação

Já o motorista da carreta branca conseguiu deixar o veículo sem ferimentos. Segundo a equipe de resgate, ele estava em estado de choque, mas assinou termo de recusa de encaminhamento médico.

Os dois veículos estavam carregadas, um com papelão e o outro com milho. As causas do acidente ainda serão investigadas.

Um dos motoristas conseguiu sair do veículo, o outro não foi localizado ainda — Foto: Divulgação

Um dos motoristas conseguiu sair do veículo, o outro não foi localizado ainda — Foto: Divulgação

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) esteve no local e retirou os corpos e os encaminhou para exames.

Via | G1
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta