Mais cinco idosos que vivem no Abrigo Bom Jesus de Cuiabá foram internados por causa da Covid-19. Na semana passada, 39 idosos testaram positivo para a doença e cinco foram hospitalizados. Neste sábado (4), dez estão internados.

São 84 idosos que vivem no abrigo. Os 29 idosos positivos que não necessitaram de internação estão isolados no abrigo.

Nesta sexta-feira (03), fisioterapeutas das equipes do programa AMOR e do EMAD (Melhor em Casa) estiveram na instituição para fazer a avaliação dos pacientes que estão em isolamento.

Desde o dia 26 de agosto, quando foi detectado o primeiro caso de Covid-19 positivo em um idoso que vive na fundação, a Secretaria Municipal de Saúde está monitorando todos os moradores e funcionários do local diariamente.

A profissional Jacqueline Pereira dos Santos explicou que o exame é para avaliar se existe a necessidade de encaminhamento para unidade de saúde. Os profissionais medem a saturação, fazem ausculta pulmonar e analisam o padrão respiratório. Até a última visita, todos estão com padrões normais, segundo a fisioterapeuta.

Caso detectem algum problema, eles conversam com o médico que atende o abrigo para ele decidir se é necessário encaminhar o idoso para o hospital. A equipe está realizando também exercícios para expansão pulmonar e higiene brônquica com os idosos.

Abrigo Bom Jesus passa por desinfecção após casos de Covid-19 serem confirmados — Foto: Prefeitura de Cuiabá

Abrigo Bom Jesus passa por desinfecção após casos de Covid-19 serem confirmados — Foto: Prefeitura de Cuiabá

A Empresa Cuiabana de Zeladoria e Serviços Urbanos (Limpurb) vem realizando a desinfecção de todas as instalações do abrigo diariamente desde o dia 27 de agosto.

Primeiro caso

O primeiro caso de Covid-19 detectado foi de um idoso que estava internado em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), tratando de outros problemas de saúde, mas, ao apresentar sintomas gripais, acabou se confirmando também a Covid-19.

A partir daí, a equipe da Clínica da Família, no bairro CPA 1 enviou equipe no local para realizar exames em todos os idosos. Inicialmente, 10 testaram positivo.

No último dia 31, o idoso que primeiro foi confirmado com a doença foi a óbito. O laudo com a causa da morte ainda não foi divulgado.

Entre os 39 que testaram negativo, oito foram pra casa com as famílias, um desses testou positivo depois e retornou pra instituição, onde está em isolamento.

Os demais idosos acometidos estão com sintomas leves e isolados. Os funcionários que contraíram o coronavírus, bem como aqueles que têm comorbidades, foram afastados das atividades.

Todos eles já haviam sido contemplados com as duas doses da vacina pelas equipes do Consultório na Rua, que os vacinou no local.

A direção do abrigo informou que solicitou a terceira dose de reforço ao município há quase um mês.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) informou que, conforme definição do Ministério da Saúde, receberão a terceira dose pessoas com mais de 70 anos e imunossuprimidos. A aplicação da terceira dose deve iniciar após o envio dos imunizantes a Mato Grosso.

Via | G1
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta