A Secretaria de Saúde de Cuiabá flexibilizou os documentos necessários para as pessoas que possuem comorbidades se vacinarem a partir desta quarta-feira (26). Além do laudo médico, a receita médica e o prontuário passarão a ser aceitos como comprovante.

Desde o início da abertura da vacinação para pacientes com comorbidades, a Secretaria de Saúde pedia um laudo médico para fazer a comprovação de doenças pré-existentes.

A dificuldade de conseguir esse documento e a queda no número de cadastros fez com que a secretaria aceitasse outros registros.

Os locais de vacinação passam a aceitar também receitas médicas com a descrição dessas doenças pré-existentes. O prontuário médico também passou a ser aceito como comprovação. Tanto a receita quanto o prontuário devem estar assinados e carixcxmbados pelo médico.

As pessoas com deficiências permanentes devem apresentar um comprovante do cadastro do programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC). Quem não possui o cadastro, basta apresentar outro documento que comprove a deficiência permanente.

A Secretaria de Saúde explica que, mesmo que seja uma deficiência visível, o documento é necessário para registro oficial e controle da vacinação.

As pessoas com obesidade mórbida precisam de laudo médico ou do nutricionista pra comprovar o Índice de Massa Corporal acima de 40.

Vacinação em Cuiabá

A chegada de uma nova remessa com 96 mil doses, nesta quarta-feira (26), vai dar continuidade ao Plano Nacional de Vacinação no município. Serão enviadas 87,5 mil doses da AstraZeneca e 9.360 doses da Pfizer que serão destinadas à pessoas com comorbidades.

A Prefeitura de Cuiabá começou a vacinar pessoas de 18 a 29 anos que possuem comorbidades, nesta terça-feira (25). O pré-cadastro foi aberto no último sábado (22).

De acordo com dados do Ministério da Saúde, na capital foram vacinadas 132.524 pessoas com a primeira dose e 57.941 pessoas com a segunda dose seguindo as recomendações do Plano Nacional de Vacinação que orienta imunizar inicialmente os grupos prioritários.

Via | G1
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta