A Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) homologou o Documento de Referência Curricular de Mato Grosso – Etapa Ensino Médio. A Portaria Nº 356/2021 foi assinada pelo secretário de Estado de Educação, Alan Porto, durante reunião online que contou com a participação de representantes do Ministério da Educação, do Instituto Reúna e das Diretorias Regionais de Ensino (DREs).

“Agora temos o desafio de implementação do novo Ensino Médio, a orientação, a parte de formação, a reestruturação do plano político-pedagógico das escolas. Então, é uma etapa que vamos trabalhar em conjunto com todos vocês e tenho certeza que vamos avançar e implementar essa nova política do novo Ensino Médio. É uma prioridade nossa, de Estado”, disse Alan Porto.

Desde 2018, quando foi publicada a resolução da Base Nacional Curricular Comum na Etapa do Ensino Médio, começaram os trabalhos para elaboração do DCR-MT. Nesse período foi instituído um comitê de acompanhamento de implementação e realizadas audiências públicas e rodas de conversas sobre o tema, totalizando mais de 12 mil contribuições e 10 mil participantes.

Para a elaboração do material, houve uma preocupação em respeitar as diferentes realidades vividas pelos estudantes mato-grossenses, como os indígenas, os quilombolas e os do campo.

“É um momento muito importante. Iniciamos uma nova era de desenvolvimento das atividades no Ensino Médio. Agradeço a todas as pessoas que nos ajudaram a fazer um Documento de Referência Curricular que tem a cara de Mato Grosso, que foi a nossa proposta desde o início”, disse a secretária-adjunta de Gestão Educacional da Seduc-MT, Irene de Souza Costa.

O coordenador-geral do Ensino Médio do Ministério da Educação, Fernando Wirthmann, elogiou o trabalho realizado pela Seduc-MT. “É um documento muito robusto, um documento que permite atender a diversidade das nossas juventudes presentes dentro do estado de Mato Grosso”, disse.

Diretora do Instituto Reúna, Kátia Smole afirma que o documento traz uma “proposta de esperança para os jovens”. “O referencial de Mato Grosso chega até aqui com muita qualidade, com uma equipe que se dedicou com os professores e comunidade para fazer esse documento”, elogiou.

Alan Porto agradeceu o empenho da equipe de redatores que trabalhou na elaboração do documento, aos servidores da Seduc-MT envolvidos na ação e também aos professores da rede.

“Neste momento de pandemia os desafios estão aumentando, mas tenho certeza que, com o engajamento da rede, com os profissionais de educação e todas as instituições da sociedade organizada, daremos passos importantes para melhorar a qualidade da aprendizagem e do ensino do Estado”, disse.

Novo Ensino Médio

Mato Grosso tem 13 escolas-piloto do novo Ensino Médio, que propõem que a formação dos estudantes nesta etapa da Educação Básica ocorra de forma interdisciplinar.

“A proposta é de flexibilização do currículo escolar, com o aprofundamento na área de interesse dos estudantes, de modo a contemplar as 10 competências gerais, as competências específicas de cada área e as habilidades dos eixos estruturantes dos itinerários formativos”, destaca a Coordenadora do Ensino Médio, Giseli Maciano.

A portaria foi publicada no Diário Oficial do Estado que circulou na sexta-feira (21.05). O texto pode ser conferido neste link.

Via | Assessoria
(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta